21 de jun de 2016

Prefeito Marcos Fernandes (PSD) promete retirar a farmácia básica de dentro da (PMU) e coloca-la dentro do centro e saúde.

O assunto sobre a farmácia básica de saúde do município de Umarizal foi tema debatido e levantado pelos vereadores Paulo Marcio e Érico Onofre na sessão legislativa do último dia 07 de junho.   


O tema sobre a farmácia básica de saúde começou a ser debatido em nosso grupo de WhatsApp “Noticias de Umarizal” um dos grupos mais atuantes das redes sócias, a questão levantada por muita gente foi a seguinte – queremos que a farmácia básica (POPULAR) seja reinstalada em um local que não seja dentro do centro administrativo,  a população reclama por que durante o período da noite e nos finais de semana não dá para conseguir medicamentos por que a mesma não tem plantonista, e com isso as pessoas mais carentes do nosso município ficam desassistidas nesse período.
------------------------------------------------------------------------
A questão é a seguinte, será que o prefeito vai cumprir com o que prometeu, por que até agora, até mesmo a reforma do centro e saúde está parada e sem previsão para a sua conclusão.      

Saiba Mais sobre o transito com o instrutor Raphael Luiz - - - - - Você acha o trânsito em Umarizal seguro?

                                              Você acha o trânsito em Umarizal seguro?

Como profissional na área da educação para o trânsito, percebo que o tema nunca foi tratado e nem discutido com a atenção e os cuidados necessários.

Quantos acidentes acontecem em Umarizal por ano? Você sabe? Vejamos dados do levantamento de urgência a vítimas de acidentes envolvendo motocicletas em Umarizal no ano de 2015: Foram 160 acidentes!

1 acidente a cada 2 dias; a cada 67 habitantes 1 sofreu acidente em motocicleta; 61% dos acidentes foram na faixa etária entre 20 e 49 anos, sendo que destes, 80% estão ligados ao álcool.
É importante frisar que são dados envolvendo apenas “motos”, e que tiveram entrada no posto de saúde Dom Elizeu Medes de Janeiro a dezembro de 2015, dados fornecidos pelo ex diretor e enfermeiro Charlles Kenedy, tenham plena certeza que os índices são muito mais altos, tendo em vista a quantidade de acidentes que a vítima não se deslocou ao posto de saúde.

Sei que sem trânsito municipalizado, sem fiscalização, essa mudança não acontece da noite para o dia. Porém, Umarizal precisa melhorar a sinalização das vias, implantar mais placas, elaborar projeto com estudo técnico, saber em quais vias e cruzamentos acontecem em maior número os acidentes, lombadas em locais apropriados segundo estudos técnicos e padrões para sua implantação, conforme determina o CONTRAN, palestras nas escolas, empresas, associações... campanhas educativas para difundir as normas de circulação e conduta, bem como a educação para o trânsito, mobilizando setor público, privado e a sociedade como um todo para que se tenha uma melhora relevante nesse aspecto. Quanto custaram aos cofres públicos esses acidentes? Quais gestores puseram alguém especializado em uma secretaria para desenvolver esse trabalho? Há algum interesse no tema? É melhor prevenir ou remediar?

Só a educação pode conscientizar o cidadão para que haja uma melhora significativa. Espero que os gestores de Umarizal possam olhar com carinho para o trânsito da nossa cidade, e já que estamos em ano político, acredito ser um bom momento para essa discussão vir à tona!!!!
Raphael Luiz instrutor e consultor em trânsito.

Fonte dos índices de acidentes: Centro de Saúde Dom Elizeu Mendes

Sem pensar no povo, prefeito afastado e prefeito em exercício sorriem para as câmeras, parecendo que tudo está bem.

A foto a cima fala por si, quem realmente quebrou a nossa cidade administrativamente????, Parece que que é só  chegar o período eleitoral que os lobos em pele de cordeiro aparecem.... eita Umarizal,,,, acorda.!!!!!


O poder das redes sociais nas eleições


redes sociais 2Ao contrário do horário eleitoral na TV, as mensagens via redes sociais são individuais e customizadas, muito mais frequentes do que os spots televisivos e tendem a se misturar ao ruído da comunicação digital. O que os olhos não veem a justiça eleitoral não fiscaliza.
Os candidatos podem gastar fortunas nesse tipo de comunicação com muito menos risco de exagerar na ostentação. Pesquisa do Ibope retrata também que mais da metade dos brasileiros tem hoje uma opinião mais negativa do que tinha um ano atrás dos atores da política por causa do que leu sobre eles nas redes sociais.

Oi pede recuperação judicial de R$ 65,4 bilhões


oiA operadora de telefonia Oi entrou nesta segunda-feira com um pedido de recuperação judicial na ordem de R$ 65,4 bilhões, o maior da história no país superando o de Eike Batista, da OGX, de R$ 11,2 bilhões em 2013. O processo judicial é uma medida para evitar a falência da empresa.
Em nota, a operadora diz que “considerando os desafios decorrentes da situação econômico-financeira das empresas Oi à luz do cronograma de vencimento de suas dívidas financeiras , ameaças ao caixa das Empresas Oi representadas por iminentes penhoras ou bloqueios em processos judiciais, e tendo em vista a urgência na adoção de medidas de proteção das Empresas Oi, a Companhia julgou que a apresentação do pedido de recuperação judicial seria a medida mais adequada, neste momento”.

‘Não queremos trocar seis por meia dúzia’ diz Marina sobre PMDB e PT


Marina01
A ex-senadora e ex-candidata à Presidência Marina Silva voltou a defender a cassação da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para ela, um governo do PMDB para substituir o do PT “seria trocar seis por meia dúzia” já que os dois partidos têm nomes implicados na Operação Lava-Jato. Ela participou do programa “Roda Viva”, da TV Cultura nesta segunda-feira.