19 de dez de 2012

Ricardo Motta prestigia diplomação de 6 prefeitos e 56 vereadores em Santo Antônio

VI

Depois de percorrer o Rio Grande do Norte de uma ponta a outra, o presidente da Assembleia, deputado Ricardo Motta, volta a prestigiar os aliados pelo interior do Estado.

E nesta terça-feira, acompanhado do filho, vereador eleito em Natal, Rafael Motta, Ricardo foi à solenidade que diplomou, de uma só vez, 6 prefeitos com seus vices, e 56 vereadores.

Também prestigiou a solenidade o deputado estadual Tomba Farias.

A sessão solene conjunta aconteceu em Santo Antônio do Salto da Onça e foi presidida pelo juiz Ederson Solano Batista de Morais, que diplomados os seguintes prefeitos:

Santo Antônio

Prefeito Lula Ribeiro (PMDB)

Vice Valéria Cavalcanti (PSDB)

*

Serrinha

Prefeito Fabiano de Souza (PMDB)

Vice Genilson de Souza (PR)

*

Passagem

Prefeito José Pereira Sobrinho – Dedé de Bá (DEM)

Vice Cristiane Chacon (DEM)

*

Lagoa de Pedras

Prefeito Raniere César (DEM)

Vice Tião Fontoura (PCdoB)

*

Jundiá

Prefeito Beto de Izaías (PMDB)

Vice Ze Arnor (PMN)

*

Várzea

Prefeito Getúlio Ribeiro (PSD)

Vice Cleide Lima (PMDB)

“Desejo sorte e muito trabalho aos senhores. A campanha passou e a população espera o comprometimento de todos para colocar em prática aquilo que foi prometido”, disse o presidente da Assembleia Legislativa em seu discurso.




Prefeita de São Francisco do Oeste tem mandato questionado na Justiça Eleitoral.


Foi ajuizada, no último dia 10, uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), por suposta Captação ou Gasto Ilícito de Recursos Financeiros de Campanha Eleitoral e ainda Abuso de Poder Político e Autoridade, contra a Prefeita Eleita de São Francisco do Oeste e seu Vice-prefeito, pelos candidatos oposicionistas Anchieta Raulino (PMDB) e Luzimar Porfírio (PT).


A informação do processo N° 76904 já está disponível para consulta no site do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN).

De acordo com informações, extra-oficiais, existem fortes indícios de gastos indevidos e abuso do poder político por parte da Prefeita, Gildene Barreto (PTB), e do seu Vice-prefeito, Leidimar Morais (DEM).

Diante disso, a oposição ajuizou a ação antes referida, para aplicação das sanções previstas em Lei aos envolvidos.

Pelo visto, trata-se de ação semelhante a que foi ajuizada contra o Ex-prefeito, Dr. Aníbal Lopes, no ano de 2008, a qual terminou defenestrando-o da Administração Municipal.


Resta-nos aguardar até o pronunciamento final por parte da Justiça Eleitoral.


Juiz Artur Cortez toma posse como membro titular da Corte Eleitoral do Rio Grande do Norte

Tomou posse na sessão extraordinária da manhã desta terça-feira (18) o juiz de direito Artur Cortez Bonifácio como membro efetivo da Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte. A cerimônia foi presidida pelo desembargador João Rebouças.

Dentre os presentes, estiveram no plenário, além de amigos e familiares do magistrado, os desembargadores Claudio Santos, representando a presidência do Tribunal de Justiça do Estado, e Dilermando Mota. Também compareceram o procurador-geral do estado, Miguel Josino (representando a governadora); o vice-presidente e conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil, Sérgio Freire; o ministro aposentado do Superior Tribunal de Justiça, Vicente Leal de Araújo; o diretor do foro da Justiça Federal do Estado, juiz Janilson Bezerra; o desembargador aposentado Dúbel Cosme e os juízes Hadja Rayanne de Holanda Alencar, José Dantas de Lira, Paulo Luciano Maia Marques, Ivanaldo Bezerra Ferreira dos Santos, Francisco Gabriel Maia Neto.

Foram convidados a vestir a toga no empossando Leda Cortez Bonifácio e Nivaldo Feitosa Bonifácio, pais do magistrado, que prestou compromisso e assinou termo de posse lido pela diretora-geral, Andrea Campos.


O juiz Nilson Cavalcanti deu as boas-vindas ao magistrado, afirmando ter “imensa alegria de saber do seu progresso como ser humano e como magistrado, mas, sobretudo da sua coerência, da sua dedicação, do seu zelo e seu imenso poder de julgar, na tentativa de distribuir justiça e, através dela, transformar em realidade uma isonomia que para outros deve ficar confinada nos livros e nos tratados, servindo, eventualmente para compor suas bibliotecas ou ilustrar discursos.”

O procurador Regional Eleitoral, Paulo Sérgio Duarte da Rocha Júnior, declarou que o juiz Artur Cortez “é daquelas raras pessoas que conseguem conciliar, com destreza e sabedoria, o exercício farto de atividades acadêmicas com a prática diária de suas funções como magistrado”. Ainda, afirmou que a Corte Eleitoral é como uma família e que sua conhecida simplicidade e bom humor contribuirão para que esse ambiente persista.

O advogado Paulo Lopo Saraiva fez a saudação em nome da Ordem dos Advogados do Brasil, e, numa fala inflamada, salientou a competência do empossando, afirmando ter certeza de que a Constituição Federal ter implementada da melhor forma possível, considerando o zelo que o magistrado lhe tem.

Ao final, o juiz Artur Cortez, agradeceu as demonstrações afetuosas e afirmou que “tenho absoluta consciência da responsabilidade que me espera, em especial por passar a integrar um quadro tão digno e por compreender que a efemeridade e rapidez com que passa o mandato me fará ter todo o cuidado para acrescer ao bom conceito do Judiciário Eleitoral do meu estado e país, retornando à sociedade em ações e serviços tudo o que representa o múnus público de um juiz ético comprometido”.

O desembargador João Rebouças encerrou a cerimônia, dando as boas-vindas ao novo membro da Corte, da qual fará parte pelo biênio 2012/2014.