25 de jul de 2013

" FRANCISCO DISSE QUE PARA DEUS TODOS SOMOS IGUAIS E POSSAMOS ABRAÇAR UNS AOS OUTROS SEM NENHUM TIPO DE DESCRIMINAÇÃO.


*ISSO SERVE DE REFLEXÃO PARA TODOS NÓS*

UMA ÓTIMA NOITE DE QUINTA - FEIRA 

TRT-RN faz acordo com prefeitura de Tenente Ananias para pagamento de precatórios

 
 

Durante audiência presidida pelo juiz do trabalho Michael Wegner Knabben, a prefeita do município de Tenente Ananias, Maria José Jacome, realizou acordo para pagamento de precatórios vencidos na ordem de R$ 408.990 mil reais.

O valor é referente ao pagamento de precatórios dos anos de 2010, 2011, 2012 e 2013 que será pago, em 24 parcelas, de R$ 17.040, a partir de setembro deste ano. 

Somente nesta semana, o TRT-RN realizou acordos com os prefeitos das cidades de São Tomé e Caiçara do Rio do Vento no valor de R$ 718.750 mil reais para pagamento de precatórios e Requisições de Pequeno Valor (RPVs).

Ao final de cada negociação, o TRT-RN disponibiliza em sua página na internet o termo de compromisso para consulta dos interessados, no endereço www.trt21.jus.br
 

Pontífice pede que jovens não se desiludam com a corrupção

Francisco pediu políticas nas áreas de educação, saúde e segurança e dignidade às pessoas.

 Vitor Abdala e Akemi Nitahara, Agência Brasil,

O pontífice fez um pedido especial aos jovens para que não percam a confiança em um mundo melhor. “Vocês, jovens, têm uma sensibilidade especial frente às injustiças, mas muitas vezes se desiludem com notícias que falam da corrupção de pessoas que, em vez de buscar o bem comum, procuram seu próprio benefício. Nunca desanimem, nunca percam a confiança. Não deixem que se apague a esperança, a realidade pode mudar. O homem podem mudar. Procurem ser vocês os primeiros a procurar o bem”, disse.
O papa falou do esforço da sociedade brasileira em combater a fome e a miséria, e destacou que as pessoas não podem virar as costas para os mais pobres. “Nenhum esforço de pacificação será duradouro, não haverá harmonia e felicidade para uma sociedade que abandona na periferia parte de si mesma. Ela simplesmente empobrece. Não deixemos entrar em nossos corações a cultura do descartável, porque somos irmãos e ninguém é descartável”, disse.
O discurso foi pontuado por alguns momentos de descontração do papa. Em um trecho, ele disse que gostaria de bater à porta de cada casa brasileira para “dizer bom dia, pedir um copo de água fresca, beber um cafezinho. Não um copo de cachaça”, disse para risos da plateia que se aglomerou no campo de futebol, onde ocorreu o discurso.
Em outro momento, o papa disse que o brasileiro é solidário e sempre busca compartilhar comida com quem tem fome. “Quando alguém que precisa comer bate à porta, vocês sempre dão um jeito de compartilhar a comida. Como diz o ditado: sempre se pode colocar mais água no feijão”, brincou o pontífice.
Francisco encerrou seu discurso dizendo que ele levará a comunidade de Varginha em seu coração.   O papa chegou à favela por volta das 10h40. Mesmo com a chuva, milhares de moradores do Complexo de Manguinhos, uma das áreas mais pobres da cidade, acompanharam o papa Francisco à favela.
Na chegada à comunidade, muitas pessoas gritavam o nome do pontífice e algumas faixas foram estendidas nas grades, contra as remoções forçadas e pedindo justiça pelos mortos nas comunidades.
Logo que chegou a Varginha, o pontífice saiu do carro fechado e subiu no papamóvel. Durante o trajeto, ele parou várias vezes para abençoar crianças, que eram levadas até ele por seus próprios pais ou por seguranças. Depois, o pontífice fez uma oração na capela São Jerônimo, onde se encontrou com crianças da catequese. Uma delas é João Pedro Ferreira da Silva, 15 anos, coroinha da capela.
A mãe dele, Cleonice Ferreira de Lima, cozinheira, se sente privilegiada pela oportunidade, mesmo não podendo entrar no local. "Sinto uma emoção muito grande, meu filho vai ser abençoado."
Ao sair da capela, ele caminhou pela comunidade e continuou cumprimentando moradores e abençoando crianças, mesmo cercado por forte esquema de segurança. Várias pessoas deram presentes ao papa, inclusive uma faixa do San Lorenzo, time de futebol do qual Francisco é torcedor. No meio do trajeto e pouco antes de iniciar seu discurso, ele entrou em uma casa da comunidade.

 

Estado arrecada R$ 4 bilhões em seis meses, mas pagamento dos servidores ainda não está garantido.

 
 
O Governo do Estado arrecadou no primeiro semestre deste ano R$ 4 bilhões com as três principais fontes de receita. O que não quer dizer, necessariamente, que a integralidade dos valores se assenta no bolso da administração Rosalba Ciarlini (DEM). 

Um exemplo é o apurado do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), cujo patamar no período chegou a R$ 1,8 bilhão. Vinte e cinco por cento desse montante são repassados aos municípios, ou seja, cerca de R$ 471 milhões são subtraídos das contas estaduais.

Com o Fundo de Participação dos Estados (FPE), esse sim de tutela específica do Executivo, o total foi de R$ 1,48 bilhão, dos quais 20% são verbas carimbadas,  destinadas exclusivamente à Educação.

No entanto, até ontem havia uma lacuna de R$ 89 milhões na rubrica destinada ao pagamento dos servidores. O Governo corre contra o tempo e garantiu que não haverá atraso. 

Durante reunião com o secretariado, a governadora Rosalba Ciarlini comunicou aos secretários  a frustração na receita do Estado já chega a R$ 300 milhões, podendo chegar a R$ 450 milhões.

Da tribuna do Norte

O TEMPO PASSA E O DESCASO COM AS RUAS QUE NÃO SÃO PAVIMENTADAS CONTINUAM. !!!!!!!

RUA: JOAQUIM ALENCAR / BAIRRO RUA NOVA


a secretaria de obras e urbanismo do nosso município não conseguem trabalhar, agora eu fico me perguntando o porque ?????, a cidade de Umarizal tem vários tratores, retroescavadeira e uma catre pilha como de costume chamamos.
Já se pode ouvir vários comentários pelas ruas de Umarizal de que a prefeitura de Umarizal estava com uma divida enorme no posto de combustível que abastece o município e por isso que esses veículos estão parados a vários dias.
Com essa paralisação por parte da secretaria de obras e urbanismo sempre quem sofre as consequências são os mais humildes que moram em ruas totalmente esburacadas e em total abandono.
Vejam as fotos a baixo que todos podem comprovar o veracidade dessa matéria. 

RUA: JOAQUIM DE ALENCAR EM FRENTE A CASA DO SECRETARIO DA *CASA CIVIL*

RUA: ALMIRANTE SOUTO MAIOR / TRAVESSA COM A RUA PEDRO ABÍLIO / BAIRRO MULTIRÃO

FINAL DA RUA ALMIRANTE SOUTO MAIOR / E INICIO DA AV: 27 DE NOVEMBRO

AV: 27 DE NOVEMBRO EM FRENTE E CASA DE PEDRO PINHEIRO

AV: 27 DE NOVEMBRO EM FRENTE A CASA DE MEU TOINHO

AV: DO ALGODÃO / COM AV: 27 DE NOVEMBRO EM FRENTE A BENEDITO DA BESTA

AV: 27 DE NOVEMBRO CHEGANDO NO CONJUNTO *IPE*



SERÁ QUE EU ESTOU FALANDO DE MAIS ??????? ACORDA UMARIZAL