18 de mar de 2015

Nota pública de esclarecimento da Prefeitura Municipal de Umarizal (RN).


Nota pública de esclarecimento da Prefeitura Municipal de Umarizal (RN).

De acordo com informações veiculadas na imprensa sobre contratos dos serviços Lavagem de Carro que prestam as secretarias da Prefeitura Municipal de Umarizal, com os valores que variam entre R$ 100 e 650 reais, a Prefeitura Municipal de Umarizal esclarece que:  Os valores apresentados correspondem a contratos mensais com números ilimitados de lavagens, assim necessite por unidade de veículo, como foi veiculado equivocadamente em blogs da região. 

Todos os contratos são preparados de acordo com parâmetros legais, e revisados sempre pela assessoria jurídica responsável antes de serem assinados pelo prefeito, e que são postados no Diário somente os subsídios proeminentes aos mesmos. 

Observamos que todo e qualquer documento que não é publicado em Diários Oficiais, até porque NÃO é necessária a publicação de determinados documentos na sua totalidade, pode ser solicitado diretamente da Prefeitura por qualquer cidadão.

Mas temos muita satisfação em esclarecer esta publicação, haja vista que houve por parte de terceiros uma má interpretação dos fatos, e ao mesmo tempo, e mais uma vez, a divulgação de algo sem que se tenha tido o cuidado de averiguar antes. 


ObsTODOS ESSES VALORES É PAGO MENSAL E NÃO POR VEÍCULO. 

A Prefeitura Municipal de Umarizal, através da assessoria jurídica, está entrando com uma representação contra os blogs e sites  por terem divulgado de forma inverídica tal informações. 

Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Umarizal

Governo Dilma é ruim ou péssimo para 62%, indica pesquisa

O ESTADO DE S. PAULO
18 Março 2015 | 07h 50
Avaliação negativa do mandato sobe 18 pontos porcentuais na comparação com fevereiro e aprovação cai de 23% para 13%
São Paulo - A avaliação negativa do governo Dilma Rousseff chegou a 62%, segundo pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada nesta quarta-feira, 18, pelo jornal Folha de S.Paulo. Do começo de fevereiro até agora, o porcentual de brasileiros que considera o governo "ruim ou péssimo" subiu 18 pontos porcentuais. É a taxa mais alta de rejeição já registrada na gestão da petista.