30 de dez de 2011

Vivaldo Costa e Nélter Queiroz foram líderes no ranking de gasto da verba de gabinete

Os deputados estaduais Vivaldo Costa e Nélter Queiroz lideraram o ranking do gasto da verba de gabinete nos 11 primeiros meses de 2011. Vivaldo Costa foi o campeão, até o mês de novembro ele havia gasto R$ 264.636,9. Já Nélter Queiroz, nesse mesmo período, apresentou um gasto de R$ 263.618,91. O terceiro lugar no ranking foi o deputado estadual Ezequiel Ferreira, que contabilizou R$ 263.164,63 com verba de gabinete.

A quarta colocada foi a deputada Gesane Marinho com R$ 260.066,33 em gasto.

Confira o ranking completo:

1. VIVALDO COSTA R$ 264.636,9
2. NELTER QUEIROZ R$ 263.618,91
3. EZEQUIEL FERREIRA R$ 263.164,63
4. GESANE MARINHO R$ 260.066,33
5. RICARDO MOTTA R$ 259.622,60
6. DIBSON NASSER R$ 259.401,54
7. GUSTAVO CARVALHO R$ 257.988,25
8. HERMANO MORAIS R$ 255.509,32
9. TOMBA FARIAS R$ 255.050,13
10. GEORGE SOARES R$ 254.634,76
11. GILSON MOURA R$ 254.182,95
12. POTI JUNIOR R$ 253.715,23
13. GETULIO REGO R$ 252.940,25
14. GUSTAVO FERNANDES R$ 252.625,29
15. FABIO DANTAS R$ 250.394,55
16. RAIMUNDO FERNANDES R$ 249.382,15
17. FERNANDO MINEIRO R$ 245.987,04
18. LEONARDO NOGUEIRA R$ 245.492,62
19. ANTONIO JACOME R$ 244.490,91
20. MARCIA MAIA R$ 242.114,57
21. LARISSA ROSADO R$ 240.039,72
22. JOSE DIAS R$ 235.959,82
23. WALTER ALVES R$ 211.232,31
24. AGNELO ALVES R$ 207.799,12

FONTE: AL / RN

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 15:21

Robinson vê "arrogância" e "soberba" de José Agripino


Demorou, mas respondeu. O vice-governador do Estado, Robinson Faria, não engoliu calado as declarações do senador José Agripino Maia, presidente nacional do Democratas, em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo onde o parlamentar classificou o PSD como “partido sem história”.

Usando seu perfil no twitter, Robinson, que é presidente estadual do PSD, disse que “essa conversa de eles pra lá e nós pra cá parece samba-enredo da escola da arrogância e da soberba”.

Desde a filiação do vice-governador ao PSD que sua relação com o senador não é das melhores e o seu rompimento com o governo foi a gota d’água para isso.

Robinson tem mantido suas atividades na vice-governadoria assim como os trabalhos políticos em cidades do interior visando as eleições de 2012.

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 09:34