18 de dez de 2014

SE VOLTAR A ATRASAR OS SALARIOS DOS SERVIDORES PUBLICOS O PREFEITO MANO PAGARÁ MULTA DE 1.000 MIL REAIS POR DIA DE ATRASO…






Eis a determinação da justiça....
Determino, ainda que o prefeito do município de Umarizal passe a efetuar, se ainda não fez, o pagamento dos salários de todo o funcionalismo público, a parti desta decisão, sempre dentro do mês vigente, até o quinto dia útil do mês posterior ao vencido, sob pena de multa diária no valor de R$ 1.000,00 (um mil reais), a ser aplicada pessoalmente pelo prefeito municipal de Umarizal/RN e revertida ao fundo de direitos difusos...

Mais informações você pode acompanhar através do portal do TJRN ..... Sobre o número 0100602-87.2014.8.20.0159

Do blog – como é que um prefeito conseguiu fazer tanto desastre em tanto pouco tempo, isso é um total 
descontrole financeiro que atinge diretamente todo o comercio de nossa cidade.......

Hoje é o dia dela .... Lucélia Praxedes parabéns pelo seu aniversário...




Parabéns.

Que todos os votos de felicidades, cheguem até o trono de Deus, para torná-los realizáveis o mais rápido possível.

É festa no olhar de todas as pessoas que tem um abraço para te ofertar. Um olhar de carinho para te oferecer.

Você merece e os homenageados de hoje somos todos nós que temos a sua amizade.

Feliz aniversário, muitos anos de vida, saúde e paz.

Que Deus te abençoe a cada ano e que essa nova idade traga á você muitas chances para vencer, você merece, isso é muito pouco para te desejar amiga.

Parabéns e muitos anos de vida.

Feliz aniversário

Política TSE acatou candidatura de Paulo Maluf a deputado federal

maluf
O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, na sessão plenária desta quarta-feira (17), o registro de candidatura de Paulo Maluf (PP) a deputado federal por São Paulo. Por maioria de votos, ao julgar recurso (embargos de declaração) apresentado pelo político contra decisão anterior da Corte, os ministros deram provimento ao recurso ordinário original de Maluf, que buscava o deferimento de seu registro. Ele concorreu nas eleições de 5 de outubro com recurso pendente de julgamento no TSE e obteve 250.296 votos.
Ao examinar os embargos na sessão desta quarta-feira, os ministros do TSE entenderam que o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), na decisão que condenou Maluf, menciona ato culposo e não doloso de improbidade administrativa. “Essa conduta dolosa foi extraída da fundamentação daquela decisão do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Eu não penso que isso seja possível”, afirmou o ministro Tarcisio Vieira ao votar, destacando que o acórdão do TJ-SP “diz claramente ter havido ato culposo”.
O ministro Gilmar Mendes ressaltou que “não cabe à Justiça Eleitoral fazer o enquadramento da decisão tomada no âmbito da Justiça comum, que é a sede, o foro natural para a definição, no caso, do ato de improbidade”. Paulo Maluf foi condenado pelo TJ-SP em 4 de novembro de 2013, pela prática de improbidade administrativa na construção do túnel Ayrton Senna, quando era prefeito da capital paulista, em 1996.

fonte: portal Globo

Em despedida do Congresso após 44 anos, Henrique Alves chora

henrique choro
A Folha de São Paulo destaca que, em sua sessão de despedida depois de 44 anos na Câmara dos Deputados, o presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), chegou às lágrimas na noite desta quarta-feira (17) ao ser homenageado por colegas. Nas eleições de outubro, o peemedebista deixou de disputar a reeleição para o Congresso e tentou se eleger para o governo do Rio Grande do Norte, mas acabou derrotado. Agora, ele é cotado para assumir um ministério no segundo mandato da presidente Dilma Rousseff na cota do PMDB da Câmara.
A homenagem ocorreu após quase nove horas de sessão, sendo prestigiado por parlamentares governistas e oposicionistas. “Vai ter a Câmara antes e [a Câmara] depois de Henrique Eduardo Alves”, disse o líder do PT, Vicentinho (SP). “O senhor tem uma carreira brilhante, de muito respeito”, completou. Responsável por puxar a série de homenagens, o deputado Nilson Leitão (PSDB-MT), afirmou que a “história da Câmara se confunde com a história de Alves”.
Ao ouvir os deputados, Alves chorou, tirou um lenço do bolso para enxugar as lágrimas, agradeceu os cumprimentos, mas não se manifestou. Há quase dois anos no comando da Casa, Alves colecionou enfrentamentos com o Planalto, impondo derrotas ao governo da presidente Dilma Rousseff, e também com o STF (Supremo Tribunal Federal) ao defender, por exemplo, autonomia do Parlamento para discutir propostas.
Ele deixa o comando da Casa sem conseguir aprovar sua principal bandeira de campanha que torna obrigatória a execução de obras e investimentos indicados por deputados e senadores ao Orçamento – as chamadas emendas parlamentares. Nos bastidores, congressistas dão como certo a volta da proposta para a gaveta do Congresso.
As emendas parlamentares são um dos pontos mais sensíveis na relação entre o Congresso e o Executivo. A liberação das verbas é usada como moeda de troca, pelos dois lados, especialmente em meio a votações de projetos estratégicos. Parceiro do vice-presidente, Michel Temer, Alves trabalha agora para eleger o líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), para sucedê-lo, mesmo com a resistência do Planalto.

fonte: assessoria da câmara dos deputados

Larissa se beneficiará com decisão sobre permanência de Vivado na Assembleia


Larissa-Rosado-21-211x300Com a provável permanência do deputado Vivaldo Costa (Pros) como titular na Assembleia Legislativa, se confirmada a ida de um deputado da sua coligação para o Tribunal de Contas do Estado (TCE), a deputada Larissa Rosado (PSB) será alcançada da segunda para a primeira suplência na próxima legislatura.

Mossoroenses cotados para compor equipe do governo de Robinson

UUntitled-12
Nos bastidores da política potiguar ferve a indicação de vários nomes que farão parte do secretariado do governador eleito Robinson Faria. Entre os vários já citados, dois mossoroenses são listados como prováveis membros da equipe: o atual secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Mairton França apontado como próximo diretor-geral do Instituto de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente (IDEMA). Já o ex-deputado estadual Francisco José deve integrar o staff de auxiliares, no entanto, ainda não se sabe qual espaço será ocupado pelo enfermeiro.

Diplomação de eleitos e suplentes vai acontecer hoje à tarde.

É hoje às 17 horas a solenidade de posse dos eleitos a cargos eletivos, nas eleições deste ano no Rio Grande do Norte. Evento acontecerá no Centro de Convenções em Natal. O evento é uma promoção da Justiça Eleitoral.

Serão diplomados os eleitos ao Governo do Estado, Assembleia Legislativa, Câmara Federal e Senado, com suplentes.

Fonte: Carlos Santos