15 de abr de 2016

Dilma na TV hoje às 20 horas. O panelaço vai ser grande!

ter panelaço
A presidente Dilma Rousseff deve fazer um pronunciamento na TV na noite desta sexta-feira (15) contra o processo de impeachment que enfrenta na Câmara dos Deputados.



Na manhã desta sexta, a Câmara deu início à sessão para partidos e parlamentares se pronunciarem sobre o processo de afastamento da presidente. A votação para decidir se a Casa abrirá ou não o processo de afastamento ocorrerá no domingo (17) à tarde.

Wilma de Faria precisa da ajuda de seu filho Lauro Maia


wilma_novo
Não se enganem.
A ex-governadora do Rio Grande do Norte e vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, está mais lisa do que “piau sabão”. O pré-candidato a prefeito de qualquer município do Estado que se filiar ao seu partido, o PT do B, e depender de alguma ajuda para a campanha deste ano pode se considerar derrotado.
A não ser que ela peça um “dinheirinho” emprestado ao seu filho Lauro Maia.
Wilma está “tão dura” que não tem como bancar sua própria campanha.

Por isso não será candidata.

Governo propõe salário mínimo de R$ 946 para o próximo ano


dinheiro carteiraO salário mínimo no próximo ano deve chegar a R$ 946, valor que consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2017, a ser enviado nesta sexta-feira (15) pelo governo ao Congresso Nacional. Pela proposta, o salário mínimo terá aumento de 7,5% a partir de 1º de janeiro.
Desde 2011, o salário mínimo é reajustado pela inflação do ano anterior, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB), soma das riquezas produzidas no país de dois anos antes. A fórmula valerá até 2019.

Pela proposta, o salário mínimo passará para R$ 1.002,70 em 2018 e R$ 1.067,40 em 2019. Os reajustes também seguem a fórmula estabelecida em lei.

OPOSIÇÃO ALCANÇA VOTOS NECESSÁRIOS PARA APROVAR IMPEACHMENT NA CÂMARA


O Placar do Impeachment do jornal O Estado de S. Paulo alcançou na noite desta quinta-feira (14), o mínimo necessário, de 342 votos, para o plenário da Câmara aprovar a admissibilidade do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. O número foi atingido com o voto anunciado pelo deputado federal Altineu Côrtes (PMDB-RJ). "Li o pedido, a defesa, o relatório e ouvi os meus eleitores. Eles, eleitores, são os responsáveis pelo meu mandato, voto com a consciência tranquila", afirmou.


O levantamento contabilizava ontem 128 votos contrários ao impeachment. Havia ainda 15 parlamentares indecisos e 28 não quiseram responder. Também na noite de ontem, o peemedebista Sergio Souza afirmou estar inclinado a votar pelo afastamento de Dilma. "Há 80% de chances de eu votar a favor." A assessoria do parlamentar informou que o comunicado oficial está programado para as 10h30 de hoje. A votação no plenário da Câmara ocorrerá no domingo, conforme previsão da Câmara.



O presidente da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), determinou que primeiramente devem anunciar os votos de Estados da região Norte, com alternância entre parlamentares de Estados do Sul.



A decisão de Cunha foi mantida pelo Supremo Tribunal Federal ontem mesmo, em nova derrota do Planalto. Em anúncio programado para ocorrer hoje, o PP deve comunicar que serão punidos os parlamentares que não seguirem a orientação do partido pelo voto favorável ao afastamento de Dilma Rousseff.



A legenda desembarcou do governo na terça-feira passada. Desde então, segundo o Placar do Impeachment, sete deputados da sigla passaram a se posicionar a favor do impeachment - e contra a petista. Porém, ainda restavam três indecisos ontem e cinco não quiseram responder. Quatro parlamentares do PP eram contra a saída de Dilma. O PMDB fechou questão pelo impeachment, mas não vai punir os "rebeldes".



Do R7

Iniciativa de Diretora, professores, funcionários e pais de alunos da Cheche Municipal Dina de Brito em Prol da campana beneficente para o Amigo Ersimar e Família é verdadeiramente digna de aplausos.

Queria aqui agradecer a todos os que fazem a creche municipal "Dina de Brito" aqui do nosso município, todos os funcionários, diretora e país de alunos que juntos se mobilizarem e arrecadaram uma cesta básica completa para o amigo Erismar e família. Foi uma iniciativa digna de aplausos.... Se todos fizessem a sua parte o mundo hoje era bem melhor.