6 de ago de 2013

PONTO NEGATIVO / PREFEITO DE UMARIZAL DESCUMPRE ACORDO COM OS FUNCIONÁRIOS A NÃO PAGA O SALARIO REFERENTE AO MÊS DE DEZEMBRO



 
foto:ilustrativa

Prefeito de Umarizal “Mano Onofre” descumpre acordo com os funcionários públicos do nosso município e quebra o compromisso de pagar a parcela do pagamento referente ao mês de dezembro.



As informações chegaram ao blog através de uma ligação feita por uma funcionaria do município que pede ao prefeito pelo menos que se manifeste ou der alguma posição sobre esse assunto.


São 07 meses de mandato e se arrependimento matasse muita dessas pessoas que votaram em mano já estavam mortas.

TEXTO ACIMA / CLEUMY CANDIDO FONSECA

veja a materia do dia que o prefeito firmou o compromisso com os funcionários e prometeu o pagamento todos de forma parcelada.

 matéria do blog umarizal news.


O funcionalismo público municipal se reuniu ontem pela manhã na prefeitura com o prefeito Mano para cobrar dele explicações sobre o atraso dos salários do mês de dezembro/2012. 

Como sabemos, não aconteceu à transição na entrega da prefeitura do ex-gestor para o atual, como é de praxe noventa dias antes da entrega oficial, por causa desse fato, as coisas tem se complicado para o lado de Mano. O ex-prefeito Rogério disse em alto e bom som na entrega da prefeitura no dia 01 de janeiro, que havia deixado dinheiro em caixa para pagar o funcionalismo público. Hoje, dezessete dias depois o prefeito Mano diz em sua sala aos professores que está “travado financeiramente” e revela aos presentes que ainda não recebeu o relatório financeiro do ano de 2012. 
A professora Elânia disse que os vereadores não estão cumprindo com o papel deles, que seria o de fiscalizar, cobrar e denunciar as irregularidades, e lamentavelmente foram eles que intermediaram o encontro dos funcionários com o prefeito, e nenhum se fez presente, com exceção do vereador Zé Moura, que estava presente como funcionário. Ela ainda disse que está havendo desencontros de notícias, pois foram colocados em alguns blogs da cidade que essa reunião do dia 17 seria com todo o funcionalismo público que não recebeu o salário de dezembro, no entanto o blog Umarizal em fotos publicou uma matéria onde o assessor Maycon dizia que a reunião seria somente com os professores. 
Segundo ainda a professora Elânia, no mês de dezembro entrou nas contas da prefeitura municipal de Umarizal, a importância de R$ 1.700,000,00 (um milhão e setecentos mil reais), e desse valor, R$ 300,000,00 (trezentos mil reais) é do FUNDEB para o pagamento dos professores, e onde está esse dinheiro?. “Como o atual prefeito era o vice-prefeito da gestão anterior, e como as finanças da prefeitura permanecem com a mesma secretária, então tem que haver uma justificativa para esse atraso nos salários de dezembro”, disse Elânia. 
A professora Itna pegando a palavra perguntou ao prefeito Mano em sendo ele aliado do ex-prefeito Rogério e vice-prefeito na gestão anterior, ainda não tinha esses dados em mãos, levando dezessete dias para se explicar com o funcionalismo público? “Isso é muito estranho” concluiu Itna. 
O prefeito mano não se exaltou em nenhum momento, entendeu a situação dos funcionários e marcou uma nova reunião para o dia 22 (terça-feira) onde segundo ele, dará um resultado concreto da situação.

Robinson Faria: "Não conheço nenhum histórico de escândalo no Governo."


O Vice-governador, Robinson Faria (PSD), que não tem economizado críticas à gestão Rosalba Ciarlini (DEM), demonstrou serenidade em entrevista neste fim de semana, na Rádio Vida de Martins, ao dizer que "o governo de Rosalba é ético e honesto. Não conheço nada que possa desabonar Rosalba. Não conheço nenhum histórico de escândalo no governo".

A resposta, surpreendente para muitos, veio após a provocação do Radialista "Zé" Nilson que pediu a Robinson para comparar o Governo Rosalba com as gestões da Ex-governadora, Wilma de Faria, e da Ex-prefeita de Natal, Micarla de Sousa. Pelo menos foi o que informou a Blogueira Thaísa Galvão.

Diante disso, podemos afirmar que Robinson aparenta não desejar fazer uma oposição de forma irresponsável e com ofensas pessoais, ao contrário, prefere o debate sincero de ideias e com críticas inerentes somente aos atos administrativos.

Quem dera se todos os políticos de oposição agissem desta forma...

São Francisco do Oeste: Vereador denuncia péssima qualidade da água consumida no Município.



O Vereador por São Francisco do Oeste, Janduy Alexandre (PTB), está preocupadíssimo com a qualidade da água distribuída para consumo no Município, proveniente do Açude Público São Gonçalo.

De acordo com informações publicadas no Blog do Eugênio Freitas, o parlamentar oestense já procurou os representantes da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN), no escritório Regional de Pau dos Ferros, para fazer cobranças relacionadas a melhoria da qualidade da água consumida, porém, até o momento, nada foi resolvido.

Enquanto os dirigentes do órgão competente mencionado não se pronuncia sobre o assunto, a população de São Francisco do Oeste segue, absurdamente, pagando tarifas para consumir uma água que, possivelmente, cause complicações até para a saúde dos animais, conforme podemos visualizar nas imagens abaixo:
 
 

 

Deputado encaminha denúncia ao Ministério Público acusando governo de "maquiar" gastos com educação para atender legislação.

Procurador Rinaldo Reis recebe a denúncia das mãos do deputado Fernando Mineiro.


O Governo do Estado não está cumprindo os dispositivos legais que determinam a aplicação de, no mínimo, 25% das receitas resultantes de impostos e transferências de impostos para a manutenção e desenvolvimento do ensino. 

A afirmação é do deputado estadual, Fernando Mineiro (PT), que, na tarde dessa segunda-feira (5), apresentou uma denúncia ao Ministério Público do RN para que este tome as devidas providências contra a gestão da governadora Rosalba Ciarlini (DEM).

Segundo Mineiro, conforme constatado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN), na elaboração dos Relatórios Anuais das Contas do Governo, referentes aos anos de 2011 e 2012, o montante só foi alcançado porque a gestão estadual incluiu no cálculo as despesas com Previdência Básica com inativos. O problema é que, conforme apontou o parlamentar do PT, a legislação define que não podem ser incluídas essas despesas nos gastos com manutenção e desenvolvimento do ensino.

Com a denúncia, entregue em mãos ao procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, o parlamentar espera que seja reparado os prejuízos advindos à educação no RN, "inclusive com a reposição de todos os valores que deveriam ter sido aplicados na educação e foram desviados para o custeio de outras rubricas". Requer também "que o Ministério Público faça uso dos mecanismos legais para cessar imediatamente a irregularidade denunciada e determinar a observância dos percentuais minimamente fixados pela Constituição Federal, a serem aplicados na educação".

Após o recebimento da denúncia, o procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, afirmou que ainda "não teve tempo de analisar o documento" e, por isso, seria "precipitado qualquer declaração a respeito". A denúncia foi encaminhada direto para os assessores do procurador, para que eles possam analisar a legalidade da denúncia.

Informações do Portal No AR