24 de jan de 2018

CCJ aprova projeto da Previdência Complementar dos servidores


O Projeto de Lei encaminhado pela mensagem governamental 050, no pacote de medidas para a regularização da situação econômica-financeira do Estado, que trata da Previdência Complementar dos servidores, foi aprovado em sessão extraordinária da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), realizada nesta quarta-feira (24).  O relator da matéria, deputado Kelps Lima (Solidariedade), considerou uma matéria muito importante por estabelecer uma regra nova e não gerar nenhum prejuízo para o servidor estadual. 

No Twitter, Gleisi diz que voto de relator no TRF-4 é militante


A presidente do PT, Gleisi Hoffman, também criticou o voto do relator da apelação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra sua sentença na Operação Lava Jato, João Pedro Gebran Neto, em sua conta oficial no Twitter.  Gebran Neto manteve a condenação em primeira instância do juiz federal Sérgio Moro e aumentou a pena para 12 anos e 1 mês de reclusão em regime fechado e pagamento de multa de R$ 1 milhão no caso do triplex do Guarujá. O tempo de prisão definido por Moro foi de 9 anos e meio de prisão.  “O voto do relator é resultado do compadrio, do entorpecimento do Power Point e do preconceito político. É um voto militante”, afirmou a petista.