19 de mar de 2013

CNI/IBOPE: DILMA E GOVERNO TÊM AVALIAÇÃO RECORDE


Está no Congresso em Foco
O governo da presidenta Dilma Rousseff (PT) alcançou aprovação recorde, de acordo com pesquisa Ibope encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O governo Dilma é aprovado por 63% dos entrevistados. Em dezembro, esse índice era de 61%. A diferença está dentro da margem de erro, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Veja a íntegra da pesquisa CNI/Ibope, divulgada nesta terça-feira (19).
O percentual de aprovação à gestão da petista supera o dos ex-presidentes Lula (PT) e Fernando Henrique Cardoso (PSDB) no terceiro ano do primeiro governo. Em 1997, FHC tinha 56% de aprovação. Já o governo Lula aparecia com 39% de avaliação positiva em 2005. Ainda de acordo com a pesquisa, 29% dos entrevistados consideram o governo regular e 7% o desaprovam, qualificando-o como ruim ou péssimo.
A atual presidenta também supera seus antecessores na avaliação pessoal. No terceiro ano de governo, Lula tinha 58% de aprovação pessoal. Já FHC era aprovado por 70%.
Outro fator favorável a Dilma é o índice de confiança, que cresceu de 73%, em dezembro de 2013, para 75%, em março de 2013. Na mesma época de governo, Lula inspirava confiança em 60% dos entrevistados, e FHC, em 68%. A presidenta está em Roma, onde acompanhou nesta manhã a missa de inauguração do pontificado do papa Francisco.

Faça o que eu digo não faça o que eu faço


O título bem sugestivo é também de um filme e aplica-se perfeitamente a uma comparação entre a gestão da ex-prefeita de Natal Micarla de Sousa e a do atual prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT).
O assunto já havia sido levantado na rede social (twitter), mas hoje o colega Ricardo Rosado publicou em seu blog, o Fator RRH, a seguinte postagem sob o título “Contratos no escuro?” que inclusive republiquei aqui. Segue:
A prefeitura renovou os contratos de locação com o Novohotel.
Estes contratos foram motivos de grandes polêmicas e até uma CPI foi instalada.
Com a renovação dos contratos os aliados atuais do prefeito Carlos Eduardo, oposição antigamente, devem ter rasgado o relatório da CPI.
Trata-se de uma CPI que fracassou antes, durante e depois.
Agora a Urbana renova o contrato antigo com as empresas de limpeza urbana.
Informam, inclusive, que os documentos do contrato anterior foram perdidos.
Então fizeram no escuro.
Em tempo: Se confirmadas as informações, Micarla de Sousa certamente deve está a dizer: Faça o que eu digo não faça o que eu faço à Carlos Eduardo Alves.
De qualquer forma, o assunto merece os olhos do Ministério Público e por que não da própria Câmara Municipal, tal a polêmica que foi criada na época em torno dos contratos, sobretudo, com o Novohotel.
Não que os contratos possam estar irregular, mas pelo simples fato de na gestão passada ter sido motivo de uma CEI (Comissão Especial de Investigação) no Legislativo, já é suficiente para que as coisas fiquem bem esclarecidas. A conferir!

Dia do Artesão é destaque em plenário


A deputada Márcia Maia (PSB) dedicou seu pronunciamento ao Dia do Artesão, comemorado hoje (19). “Hoje é o dia de homenagear aqueles artistas, as pessoas que com suas pinturas, crochês e tricôs fazem arte e geram renda”, disse a parlamentar.
Segundo dados do IBGE, o Brasil tem mais de oito milhões de artesãos, dos quais 87% são mulheres que aprenderam o ofício dentro da própria família, com suas mães ou com as avós. Deste universo, quase a metade – ou 3,5 milhões de artesãos – estão no Nordeste. Ainda segundo a mesma pesquisa do IBGE, o bordado é a atividade mais presente nos municípios brasileiros, encontrada em 77,5% deles.
 “Essa profissão ainda precisa conquistar junto ao poder público a sua expressão legal. Tenho um respeito muito grande pelo artesão do Nordeste do Brasil. É uma atividade que além de representar uma importância muito grande para a economia, gera emprego, renda e traduz a cultura do nosso povo”, afirmou a deputada.
 Márcia Maia criticou a falta de políticas públicas que valorizem a profissão: “Fico muito quando vejo a política para o artesanato não ser executada e com as Centrais do Trabalhador fechadas, como artesão sem ser qualificado e requalificado na sua atividade, sem poder melhorar cada vez mais a qualidade do produto e ter saída no mercado, pois ele vive dessa renda, do que consegue comercializar não só aqui, mas exportando as suas peças”, frisou.

fonte:ponto de vista .com

Previsão da CNM para abril é de FPM 34% maior do que março


A previsão da Confederação da Confederação Nacional dos Municípios é que o Fundo de Participação dos Municípios do mês de abril seja 34% superior ao mês de março. E para maio, a previsão de crescimento é de 8% em comparação a abril, em valores isso corresponde a R$ 7,4 bilhões.
No acumulado de janeiro a maio, o FPM deve chegar a R$ 34,1 bilhões. Se comparado com o mesmo período do ano anterior, a Receita espera um crescimento de 10,9%.


fonte:panoramapolitico

Sertanejos potiguares pedem chuva em orações a São José





G1 acompanhou, em Angicos, missa realizada na manhã desta terça (19).
Data celebra São José, santo padroeiro das famílias e dos trabalhadores.


Aos 82 anos de idade, o agricultor Augusto de França aguentou o sol forte e a temperatura média de 30 graus e participou – em pé - da missa de São José, celebrada nesta terça-feira (19), em Angicos, município a 170 quilômetros de Natal. Ao lado de milhares de fieis, ele tinha apenas um pedido. “Eu venho pedir chuva pro sertão”, disse, ao participar da 176º missa realizada na cidade para celebrar o dia do santo padroeiro das famílias e dos trabalhadores. 


O sertanejo acredita que, se chover no dia de São José, é sinal de que inverno será de boas chuvas. Aproximadamente 5 mil pessoas participaram da celebração. “No ano passado eu perdi toda minha plantação de feijão. Este ano, se Deus quiser e com a benção de São José, vai ter muita chuva no sertão”, disse Augusto.
A missa em Angicos foi conduzida pelo arcebispo emérito da Arquidiocese de Natal, Dom Matias Patrício. “São José é o padroeiro universal da igreja e esse dia é muito importante porque é o último dia de esperança do sertanejo. Se não chover, o sertanejo fica com medo de uma grande seca”, explicou.
A festa de São José começou no dia 9 e se encerra com uma grande procissão na tarde desta terça-feira (19). O padre Severino da Silva Neto, pároco de Angicos, explicou que toda a comunidade está otimista em relação às chuvas. “No dia 9, primeiro dia da festa, caiu uma forte chuva e isso deixou a população otimista. Vamos orar para que hoje também seja um dia de chuvas”, disse o padre. A missa contou com a presença de deputados estaduais e prefeitos de cidades vizinhas.


A missa acabou e a chuva não apareceu. Mas o sertanejo não desiste fácil. "Eu tenho fé que ainda vai chover hoje", disse, com um sorriso no rosto, o agricultor Augusto de França.
Protesto
Ao final da celebração, agricultores protestaram contra o poder público, exigindo providências contra a seca. Com faixas que pediam ações “imediatas”, eles se posicionaram na frente do palco onde a missa era celebrada.

O presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Norte (Fetarn), Ambrósio Lins, afirmou que os prejuízos com a seca já passam dos R$ 4 bilhões. “São muitos prejuízos, rebanhos inteiros foram dizimados, plantações inteiras perdidas. E mesmo que hoje, dia de São José, comece a chover, não há como recuperar tudo isso”, disse.

Os trabalhadores levaram uma carta para ser entregue à governadora Rosalba Ciarlini, mas ela não compareceu à missa. O documento propõe, dentre outras coisas, o abastecimento imediato e contínuo das 75 mil cisternas já construídas no estado; criação e implantação imediata de um programa de complemento de renda para todos os agricultores familiares atingidos pela estiagem; e a construção imediata das adutoras do Alto Oeste, Seridó e outras já projetadas; construção de mais 25 mil cisternas.


Congresso aprova emenda de R$ 19 milhões proposta por Fábio Faria para UERN de Apodi.



O relatório final do Orçamento Geral da União (OGU) aprovado essa semana pelo Congresso Nacional confirmou uma emenda da bancada do Rio Grande do Norte no valor de R$ 19 milhões para a construção de um campus da Universidade Estadual (UERN) no município de Apodi, região do Médio Oeste. 

A emenda foi proposta pelo deputado federal Fábio Faria (PSD/RN), atual segundo vice-presidente da Câmara dos Deputados.

"No ano passado, já empenhamos R$ 1 milhão para o início do projeto do Campus da UERN em Apodi e esta nova emenda, no valor de R$ 19 milhões, será suficiente para a conclusão de toda a unidade. Nossa expectativa é que as obras comecem em breve, conforme programado pela administração da Universidade, em parceria com a Prefeitura, que cedeu o terreno", disse Fábio Faria.

O prefeito de Apodi, Flaviano Monteiro (PC do B), informa que a doação definitiva do terreno para a UERN já foi aprovada na Câmara Municipal e comemora o empenho da emenda ao OGU 2013. 

"Este é um pleito muito antigo de toda a região da Chapada e acabará com o sofrimento de tantos jovens que todos os dias seguem de ônibus por mais de 80 quilômetros até Mossoró para realizarem o sonho de cursar o ensino superior", completa Flaviano.


DO BLOG -* O DEPUTADO FEDERAL FABIO FARIAS DEMOSTRA MAIS UMA VEZ DE QUE TEM OLHOS APENAS PARA A CIDADE DE APODI , MAS ELE DEVE VIR A  UMARIZAL EM 2014 PARA NOVAMENTE PEDIR VOTOS AOS UMARIZALENSES*


Leonardo Rego com uma "caneta" poderosa nas mãos.





O Ex-prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Nunes Rego (DEM), foi nomeado, nesta terça-feira (19), pela Governadora, Rosalba Ciarlini (DEM), para assumir a titularidade da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SEMARH).

Enquanto Leonardo Rego chega para capitanear a pasta, Antônio Gilberto de Oliveira Jales, que havia substituído Robinson Faria na mesma secretaria, deixa o primeiro escalão do Governo Rosalba.

O Ex-prefeito pau-ferrense que é filho do Líder do Governo na Assembleia (Dep. Getúlio Rêgo) foi primeiro cotado para ocupar o cargo de  Secretário de Saúde, mas não aceitou. A partir daí foi oferecido a ele a Secretaria de Recursos Hídricos. 

Inegavelmente, a nomeação de Leonardo Rego para uma pasta tão importante deverá impulsioná-lo a almejar projetos mais ousados no futuro, já que a Secretaria de Recursos Hídricos deverá estar sempre em evidência em virtude do fator estiagem, garantindo ao Ex-prefeito bastante publicidade gratuita à sua imagem de administrador. 

Além disso, salientamos que com a "caneta" de Secretário de Estado nas mãos, Leonardo poderá acomodar no governo parte dos seus asseclas que foram defenestrados da administração municipal.

Pelo visto, de hoje em diante, a expressão "canetadas" não será propagada por essas bandas apenas como sinônimo de demissões. Pelo contrário, deverá servir como consolo para aqueles que forem rejeitados pelo prefeito atual.

Aguardemos...



fonte:http://politicapauferrense.blogspot.com.br/

CHOVEU ONTEM AQUI NA CIDADE DE UMARIZAL





Segundo moradores aqui da cidade de Umarizal que entraram em contato com o blog na manhã de hoje , choveu aqui na cidade de Umarizal na noite de ontem e na madrugada de hoje aproximadamente 50 mm de chuva.
Também choveu nas comunidades do sitio murici, assentamento remédio , boi selado e varias outras comunidades rurais de Umarizal e região.

Padrão Samu na Saúde Rosa?



O médico Paulo Xavier mais uma vez não mostrou disponibilidade para o desafio da Saúde do Rio Grande do Norte. Vai continuar com dedicação exclusiva ao  Hospital Varela Santiago.
Com a negativa da sondagem,  viés de alta volta para Luiz Roberto Fonsêca – manda chuva do Samu.
Há um ano, Fonsêca era o nome para suceder Domício Arruda, mas foi vetado pelo senador Paulo Davim (PV).
Agora, com o PV fora da base, vetos não restaram…


Malafaia investe no RN




O pastor Silas Malafaia é esperado no Rio Grande do Norte nesta segunda-feira. Amanhã cumpre agenda da Igreja, mas não apenas isso.
Aproveita também para fechar contrato com uma FM de Natal, que deverá ser dirigida ao público evangélico com alcance em toda região metropolitana.

FONTE: http://lauritaarruda.com