18 de abr de 2012

Acidente com duas vitimas fatais na BR-405, próximo a cidade de Itaú.

VEJAM AS FOTOS COM EXCLUSIVIDADE DO ACIDENTE QUE LEVOU A MORTE DE JUNIO DE ELÂNIA
FOTOS TIRADAS A POUCOS MINUTOS POR RAQUEL FILHA DE DONA SÔNIA.



UMA DAS VITIMAS ERA AQUI DA CIDADE DE UMARIZAL, ELE ERA CONHECIDO COMO JUNIOR DE ELÂNIA.

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 16:40

DR. ADALBERTO FECHA COM O GRUPO DA OPOSIÇÃO


REALMENTE O MEDICO DR. ADALBERTO FOI PARA A CHAPA DA OPOSIÇÃO, MAS LIDERANÇA POLITICA ELE NÃO TENHE EM UMARIZAL NÃO, NADA CONTRA O MEDICO ATÉ POR QUE O CONHEÇO DESDE DE PEQUENO E UM VOTO É IGUAL A TODOS, MAS DIZER QUE DR. ADALBERTO É UMA LIDERANÇA POLITICA ISSO É UMA BRINCADEIRA, COMEÇANDO POR QUE ELE NÃO MORA EM UMARIZAL POR QUE SE MORA AGENTE NÃO VÊ, E QUANTOS VOTOS ELE LEVOU COM ELE ??????????

A REALIDADE É QUE A PRÉ CANDIDATURA DO VICE PREFEITO MANO DECOLOU A TODO VAPOR E OPOSIÇÃO ESTÁ QUERENDO TAMPAR O SOL COM A PENEIRA.

COMEÇANDO COM ESSAS ACUSAÇÕES INFUNDADAS AO PREFEITO ROGERIO E A JADSON AMORIM, POR TELEFONE O PREFEITO ROGERIO FONSECA ME DISSE VAI PROCESSAR O EX - PREFEITO NÉO JÁ QUE O MESMO NÃO PROVA ALGUMA SOBRE SUAS ACUSAÇÕES , ROGERIO DISSE QUE SÓ SE ELE FOSSE BURRO DUAS VEZES ALÉM DE PRATICAR UM CRIME E IR PRATICAR LOGO NO POSTO DE COMBUSTÍVEL QUE É DE PROPRIEDADE DO IRMÃO DO EX - PREFEITO NÉO.

SÓ SE EU FOSSE BURRO DUAS VEZES DISSE O PREFEITO ROGERIO FONSECA.


POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 16:11

UMA RELIQUIA DA HISTORIA POLITICA DE UMARIZAL


ESSA FOTO É DO SENADOR DA REPUBLICA QUE REPRESENTOU A CIDADE DE UMARIZAL E O RIO GRANDE DO NORTE NO PERIODO DE 1884 E FOI CANDIDATO A REELEIÇÃI EM 1886. SENADOR JOSÉ MARTINS FILHO O NOSSO QUERIDO ZEZITO.

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 14:51

Comando da PM apura denúncias feitas pelo prefeito de Janduís

As denúncias feitas pelo prefeito de Janduís, Salomão Gurgel, apontando para um esquema de corrupção entre policiais militares que atuam na cidade levaram o Comando Geral da Polícia Militar a instaurar investigação sobre o caso.

Hoje o Comando Geral divulgou nota confirmando a investigação aberta. Veja o comunicado na íntegra:

“1)tão logo tomou conhecimento das denúncias do prefeito, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva afastou, há cerca de uma semana, o sargento denunciado da função e determinou a abertura de um procedimento administrativo para apurar o caso;

2)não está descartado o afastamento de outros policiais que trabalham em Janduís, caso também recaiam sobre eles denúncias de envolvimento em alguma ilicitude;

3)convênios entre prefeituras do interior do Estado existem, de forma legal, com a Sesed, mas para cessão de combustível para viaturas, alimentação de policiais – civis e militares -, material de expediente, jamais para pagamento em espécie;

4)a Sesed tem todo interesse em esclarecer os fatos e informa, não minimizando a importância da imprensa, que os canais apropriados para que sejam feitas denúncias contra seus servidores são, não necessariamente nesta ordem: Corregedoria Geral da Sesed, Comando Geral da Polícia Militar e Ministério Público Estadual;

5)para que as denúncias sejam apuradas pelos órgãos acima citados, é necessário que o denunciante aponte, no caso do possível pagamento de propina, os nomes de quem teria recebido o dinheiro e de quem teria pago, para que possam ser chamados a prestar esclarecimentos e

6)sobre a deficiência na quantidade de policiais militares em Janduís, a Sesed é consciente, como toda a sociedade potiguar, que realmente existe um déficit de operadores da Segurança Pública, entretanto, ressalta o esforço que tem sido feito pelo Governo do Estado, no sentido de poder, futuramente, abrir concurso público para o preenchimento de vagas, bem como continuar trabalhando, diuturnamente, para oferecer melhores condições de vida para os potiguares.

CLIDENOR COSME DA SILVA JÚNIOR

Secretário-adjunto da Segurança Pública e da Defesa Social do RN”

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 09:48

José Agripino alerta para equilíbrio no trabalho da CPMI


Ciente da necessidade de uma comissão parlamentar mista de inquérito (CPMI) para investigar todas as denúncias envolvendo o contraventor Carlinhos Cachoeira, a oposição promoveu, nesta terça-feira (17), na Liderança do PSDB na Câmara, uma manifestação de apoio à assinatura do requerimento para a criação do colegiado.
Durante o evento, deputados e senadores do Democratas, PSDB e PPS avisaram que, caso haja algum recuo dos parlamentares na abertura da CPMI – ou na condução dos trabalhos da comissão após aberta - não será por parte dos partidos oposicionistas.

O líder do Democratas no Senado e presidente nacional da legenda, José Agripino (RN), ressaltou a necessidade de que a CPMI seja regida com equilíbrio de forças a fim de se garantir a isenção do processo. “Essa CPMI deve ter ponto e contraponto para que o processo seja isento. Se a presidência ficar com o governo, a relatoria deve ficar com a oposição, ou o contrário. O governo pode até ter maioria, mas não vai ter condições políticas de ocultar evidências. Até porque com o trabalho da imprensa, a sociedade vai perceber possíveis manobras”, alertou.

O senador também convocou a sociedade para acompanhar atentamente o trabalho da comissão . “A oposição, a imprensa e a sociedade precisam se unir e acompanhar minuciosamente o trabalho da comissão para evitar o pecado da ocultação de evidências. Essa é uma CPMI que interessa ao país”, frisou.

O líder na Câmara, ACM Neto (BA), disse que o governo vem trabalhando para evitar a instalação de CPIs desde 2006, quando foi aberta a CPI dos Correios, e que quando CPIs são abertas, o governo trabalha para que elas não sejam eficientes. “Faremos uma cobrança na condução dos trabalhos para que a CPI não termine em pizza. Se depender da oposição, vamos apurar tudo doa a quem doer”.

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 09:44

Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro são afastados pelo STJ


O ministro Cesar Asfor Rocha, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determinou, ad referendum da Corte Especial, o afastamento cautelar dos desembargadores Osvaldo Soares da Cruz e Rafael Godeiro Sobrinho, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). O ministro é relator do inquérito que apura denúncias envolvendo os dois magistrados.
Os desembargadores são ex-presidentes daquele tribunal. O ministro leva a decisão à apreciação da Corte Especial do STJ na tarde desta quarta-feira (18).

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 09:41

Ricardo Noblat é eleito o Twitter mais influente da política


O jornalista Ricardo Noblat ocupa a primeira posição dos perfis no Twitter com maior influência na política brasileira, segundo o levantamento da Burson-Marsteller divulgado nessa segunda-feira, 16. Para o profissional, o resultado referente à rede social dos 14º caracteres está diretamente relacionado ao blog que lançou em 2004 e que está ativo até hoje.
Ricardo Noblat "levará" o blog para o Facebook.
Atualmente com o ‘Blog do Noblat’ mantido pelo site de O Globo, o jornalista lembra que o espaço já esteve linkado ao IG, em 2004 e 2005, e também à versão online do Estadão, durante todo o ano de 2006. Apesar de ressaltar que ama o que faz, a carga de trabalho para assumir a edição de um blog é citada pelo profissional. “Não tenho férias. Todo dia tem texto novo e trabalho, em média, 14 horas por dia”.

Noblat garante que a influência de seu perfil no Twitter tem relação, além do blog, com outros fatores. Atualizar a página diversas vezes ao dia, não ser um mero reprodutor do que já foi publicado e ser crítico, mas sem superestimar a função que a política possui no País. O jornalista afirma que noticia e opina, mas não leva o tema muito a sério.

Ao Comunique-se, o jornalista informa que, para comemorar o resultado do ranking organizado pela Burson-Marsteller, vai aderir a mais uma rede social, o Facebook. Ele, entretanto, adiante que vai ser o espaço do ‘Blog do Noblat’, mas contando com a publicação de conteúdo exclusivo e sem divulgar tudo o que sai na página de O Globo.com.

A consultoria de relações públicas listou os microblogs mais importantes nas 20 principais economias do mundo. O estudo recebeu o nome de “Influenciadores do G20” e no Brasil outros jornalistas estão no Top 10. Luis Nassif (6°), Miriam Leitão (7°), Lauro Jardim (8°) e Soninha Francine (10°) marcam presença. Dilma Rousseff (2°), Geraldo Alckmin (3°), José Serra (4°), Leonardo Boff (5°) e Cristovam Buarque (9°) completam o ranking.

Comunique-se

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 09:37