7 de out de 2014

Vai começar o pula-pula dos aliados


Vai começar o pula-pula dos aliados

pulandoCom o jogo zerado a tendência neste segundo turno das eleições no Rio Grande do Norte é alguns aliados divergirem dos acordos feitos no primeiro turno. É hora de formar o novo batalhão, e vai ser pulo para tudo que é lado!

Lideranças politicas de Umarizal não conseguiram transferir seus votos para o deputado estadual José Dias (psd).






Não se fala em outra coisa em umarizal, cadê os votos do ex – prefeito Rogerio Fonseca, do vereador Bazoca e do vereador Armando Araújo ?????????

A realidade é que nenhum desses políticos conseguiram transferir os votos prometidos ao deputado reeleito José dias, a votação de josé dias desse ano foi semelhante com a da eleição de 2010 então esses votos já eram do grupo do ex – prefeito Adson Luis.

Na minha opinião faltou mais comprometimento por parte desses lideres, não se via ninguém visitando ninguém .....

O mérito mesmo ficou para o grupo do ex – prefeito Adson em especial ao atual vice prefeito marcos Fernandes por que esse sim eu vi trabalhando por todos os cantos de Umarizal., o que faltou também foi os políticos confiarem mais nos pobres e não duvidar dos votos deles.

A simplicidade de Getúlio contagiou mais uma vez quase toda a população de Umarizal, foram mais de três mil votos ....

Decepção também aconteceu com o candidato do ex – prefeito néo Gustavo Fernandes que ficou em quarto lugar em nossa cidade.....

Sobre a votação de Dr. Heleneide Amorim, é fácil comentar, o povo não engoliu essa historia de acordão e com isso surgiu o voto de protesto e assim foi o que aconteceu ., o povo não é mais besta não !!!!!!!!!

RN TEM UM NÚMERO DE 20% DE ELEITORES QUE NÃO FEZ OPÇÃO POR NENHUM CANDIDATO AO GOVERNO.

Fechados os números do primeiro turno no Rio Grande do Norte, segundo o TRE/RN, 451.734 eleitores (23,34% dos aptos) não optaram por nenhum dos candidatos ao governo, sendo 136.498 brancos e 315.236 nulos.

HENRIQUE TEVE MAIORIA EM 109 CIDADES E ROBINSON EM 58.


henrique robinson 2Definido o segundo turno, segundo dados do TRE/RN, os oponentes Henrique Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD) já fazem a sua matemática. Enquanto o presidente da Câmara venceu em 109 municípios potiguares, o vice-governador obteve a vitória em 58.
Considerando os dez principais colégios eleitorais, Henrique tem vantagem em Natal, São Gonçalo do Amarante, Ceará-Mirim, Macaíba, Caicó e Currais Novos. E Robson em Mossoró, Parnamirim, Assú e Nova Cruz.FONTE:ROBSON PIRES

WILMA AINDA NÃO SE MANIFESTOU SOBRE AS ELEIÇÕES DO SEGUNDO TURNO NO RN.



wilma_psb
A ex-governadora Wilma de Faria ainda não se posicionou sobre eventual apoio ao candidato do PMDB, Henrique Alves, no segundo turno da eleição que escolherá o novo governador do Rio Grande do Norte.
Em nota distribuída na manhã de hoje à imprensa, ela se deteve apenas a agradecer os votos recebidos e a atacar suposto uso da estrutura do governo federal em favor da sua adversária, a senadora eleita Fátima Bezerra (PT).

ALTO COMANDO BACURAU FES REUNIÃO SECRETA E LEVANTOU DADOS PARA TOMAR PROVIDÊNCIAS



Acordão pifou e  o resultado da eleição deu  um susto em Henrique.
Numa reunião secreta realizada hoje a tarde na Toca Bacurau, os marqueteiros de Henrique Alves levantaram as razões que levaram o acordão a não conseguir a vitoria no primeiro turno..
O alto comando bacurau chegou as seguintes conclusões:
1 – O povo não aceitou o acordão;
2 – O arrumado da família Alves para controlarem a capital e o Estado com Carlos Eduardo Alves na prefeitura de Natal e Henrique Alves no governo do RN não foi aceito pelos eleitores mais esclarecidos;
3 – A candidata Wilma com seus escândalos, puxou Henrique Alves pra baixo;
4 – O envolvimento do nome de Henrique Alves na delação premiada do diretor da Petrobras..
Segundo o Bacurau Mufino, amigo do soldado Vasco ficaram certas alguma medidas propostas pelos marqueteiros e assessores para sanar estes problemas:
1 – Acabar de falar em “união” que lembra o “acordão” e mudar  slogan “Força Para Mudar”.
2 – Como Carlos Eduardo demostrou desgaste e fraqueza eleitoral quando seu candidato a deputado federal, Sávio Hackradt teve uma votação ridícula e inexpressiva em Natal, é melhor jogar ele no palanque de Robinson para desconfigurar o arrumadinho dos Alves para controlarem o RN…
3 – Desprezar Wilma para ela subir no palanque de Robinson e tirar o discurso de acordão que ele fez e funcionou no primeiro turno. Wilma desgastada e derrotada no palanque de Robinson, acabou a “acordão’..  Isso dá a Henrique Alves o discurso de que Wilma no palanque dele era acordão, e no palanque de Robinson ele vai chamar de quê?
4 – Quanto a delação premiada e o envolvimento do nome dele, Henrique Alves, está tentando através de José Agripino abafar no lado de Aécio e com Temer no lado de Dilma..
No final da reunião, o Bacurau Mufino, ouviu Eliseu perguntar: E Dona Dinorá volta quando de Brasilia?
 
BLOG RENATO DANTAS

CARLOS EDUARDO ALVES QUER ADERIR, MAS, ROBINSON NÃO QUER E DISSE QUE VAI DERROTAR OS ALVES " JUNTOS"


Carlos Eduardo Alves com Sávio Hackradt, muita farinha e pouca carne
O prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, quer dar mais uma de oportunista..
Vendo que a barca de Henrique Alves tá furada, Carlos Eduardo quer pular para o barco de Robinson..
O soldado Vasco, tomou conhecimento que ele estaria alegando que foi traído por, Henrique que não passou os prefeitos prometidos para eleger Sávio Hackradt deputado federal… Os prefeitos prometidos votaram no filho de Garibaldi, Walter Alves..
Se Carlos Eduardo é forte, por que teve que pedir ajuda a Henrique Alves para eleger, Sávio??
Pelo que o soldado, Vasco tomou conhecimento, o candidato a governador, Robinson Faria não quer Carlos Eduardo apoiando ele, e teria dito que prefere derrotar os Alves todos juntos e misturados..
Carlos Eduardo Alves recebeu o apoio de Robinson na eleição de prefeito e traiu ele votando agora em seu primo, Henrique Alves para governador..
 
FONTE:RENATO DANTAS

CANDIDATO A VICE GOVERNADOR DE ROBINSON FARIA PARA O SEGUNDO TURNO SAIRÁ DE MOSSORÓ.




A chapa Robinson Faria e Fábio Dantas para o  segundo turno depende do resultado de consulta interna em Mossoró.Se o resultado for positivo o vice de Robinson poderá ser substítuido em comum acordo por um mossoroense,ou seja o vice governador de Robinson Faria irá sair da segunda maior cidade do estado Mossoró.

TRÊS VEREADORES DA CÂMARA MUNICIPAL DE NATAL SÃO ELEITOS DEPUTADOS.



Montagem Vereadores Eleitos 2014 - DESTAQUE
Três vereadores da Câmara Municipal de Natal foram eleitos deputados no pleito deste domingo.
O presidente da Casa, Albert Dickson (PROS) com 37.461 votos e Jacó Jácome (PMN) com 28.620 votos conquistaram vagas para a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, e Rafael Motta (PROS), que obteve 176.239 votos, eleito para a Câmara federal
 
fonte: MARCOS DANTAS

GALENO TORQUATO DERROTA RAIMUNDO FERNANDES EM SÃO MIGUEL,MAS MUNICÍPIO PASSA A CONTAR COM DOIS REPRESENTANTES NA ASSEMBLEIA.




A partir de janeiro de 2015 o município de São Miguel, localizado no Alto Oeste, passará a contar com dois representantes na Assembleia Legislativa: José Galeno Diógenes Torquato (PSD) e Raimundo Nonato Pessoa Fernandes (PROS).
Na contabilização geral dos votos no RN, o médico e Ex-prefeito de São Miguel, Galeno Torquato, obteve 63.286 votos, alcançando de forma surpreendente a segunda colocação. 

Já o veterano Raimundo Fernandes, que candidatou-se à reeleição, ficou em décimo oitavo lugar com 35.333 sufrágios.

Na disputa particular entre os dois na terra de São Miguel Arcanjo, Galeno suplantou Raimundo com uma diferença de 1.335 votos, consolidando sua liderança no município, apesar de ter feito a sua campanha na cidade praticamente sozinho, já que o atual Prefeito, Dario Vieira, pouco apareceu nesta peleja eleitoral.

A votação dos principais candidatos a deputado estadual em São Miguel ficou assim:

Galeno Torquato - 5.878 (49,20%)
Raimundo Fernandes - 4.523 (37,86%)
Gustavo Fernandes - 315 (2,64%)
Professor Lavousier - 141 (1,18%)
Getúlio Rêgo - 115 (0,96%)
 
FABRÍCIO MOSTROU RAÇA PARA FÁTIMA BEZERRA EM PAU DOS FERROS
 

A Senadora eleita Fátima Bezerra (PT) conseguiu uma vitória esmagadora em Pau dos Ferros, derrotando a sua principal adversária Wilma de Faria (PSB), na principal cidade do Alto Oeste, com uma maioria de 4.422 votos. A petista foi votada por 8.420 pau-ferrenses (67,41%) e a ex-governadora por apenas 3.998 (32,01%).

Agora, a pergunta básica é a seguinte: Qual liderança local teve maior influência para que Fátima Bezerra obtivesse números tão expressivos aqui na terrinha?

Um questionamento interessante, mas que talvez não tenha uma resposta equânime. Mas, para contribuir com o raciocínio lógico coletivo, recordemos alguns fatos locais recentes envolvendo a disputa para o Senado:

1º- Apoiando formalmente a candidatura de Fátima Bezerra estavam o Prefeito, Fabrício Torquato, os cinco vereadores de sua bancada no Poder Legislativo, além do tradicional grupo do PT pau-ferrense.

2º- O Ex-prefeito, Leonardo Rêgo (DEM), e o Deputado Estadual, Getúlio Rêgo (DEM), não oficializaram apoio a Fátima e tampouco a Wilma. Portanto, ficaram tecnicamente neutros, apesar de terem circulado boatos na cidade dando conta que alguns auxiliares de "Léo", que não gostam do Prefeito Fabrício, atuaram na surdina para inflar a postulação da candidata do PSB.

3º- O Ex-prefeito, Nilton Figueiredo, e os quatro vereadores da oposição trabalharam abertamente para eleger Wilma de Faria.

Com base nessas informações, dá para dizer que, entre as principais lideranças da cidade, o Prefeito, Fabrício Torquato, foi o que mais lucrou com o êxito nas urnas da candidata do PT. Mesmo não tendo sido o único responsável pela sua expressiva votação, o gestor deixou uma boa impressão junto à nova senadora do RN.

Todavia, não esqueçamos também que Fátima Bezerra atuou fortemente para viabilizar a chegada dos campos do IFRN e UFERSA para Pau dos Ferros, além de ter prestado relevantes serviços em favor da educação no Estado, devidamente reconhecidos pela população local.

Então, o crédito pela vitória deverá ser compartilhado entre todos aqueles que se esforçaram para eleger a petista no âmbito local, e sem a omissão dos nomes daqueles que tiveram a coragem de optar por uma das candidaturas postas.
 
POPULAÇÃO DE PAU DOS FERROS MANDOU UM RECADO PARA O ACORDÃO" UNIÃO DOS CACIQUES DO ESTADO E DOS CACIQUES LOCAIS.
Caciques locais deram um "tiro no pé".

A vitória do candidato a governador Robinson Faria (PSD) em Pau dos Ferros soou como um recado claro da população contra a "união" dos caciques políticos locais que, por medo ou conveniência, decidiram esquecer as desavenças de anos para se acomodarem, cada um ao seu modo, no palanque de Henrique Alves (PMDB). Enfim, deram o chamado "tiro no pé".

A resposta do povo foi imediata! Robinson Faria venceu com 5.972 votos (47,75%) enquanto que Henrique Alves obteve 5.722 sufrágios (45,75%). Portanto, uma maioria apertada de 250 votos, mas emblemática tendo em vista que o candidato do PMDB contava com o apoio do Prefeito, Fabrício Torquato (DEM), do Ex-prefeito, Leonardo Rêgo (DEM), do Deputado Estadual, Getúlio Rêgo (DEM), do Deputado Estadual, Gustavo Fernandes (PMDB), do Ex-prefeito Nilton Figueiredo (PMDB), e de mais 7 vereadores (cinco governistas e dois oposicionistas).

Com o apoio de apenas dois vereadores, Robinson recebeu o voto livre da população que repudiou os acordos firmados nos gabinetes fechados da capital para tentar juntar e misturar "bicudos" e "bacuraus" aqui na terrinha.

Sem dúvidas, esse resultado deve ser analisado e bastante refletido por toda classe política local (oposicionistas e situacionistas), pois o povo mostrou que não se ganha campanha trocando princípios partidários por sacos de dinheiro ou arrumadinhos sazonais. Pelo contrário, os eleitores sinalizaram que desejam ser ouvidos e ter as suas convicções individuais respeitadas.

Ficou provado também que uma coisa é o voto depositado na urna para a disputa proporcional e outra, totalmente diferente, é tentar empurrar na goela do eleitor um voto forçado para o pleito majoritário. Afinal, o povo é sábio e detecta de longe quando estão tentando subestimá-lo.

Pegou muito mal a onda do "tá todo mundo junto e misturado", a população exige mais coerência e menos conveniência. Só não vê quem não quer.

Será que neste segundo turno alguém vai dar ouvidos às vozes das ruas?

Aguardemos...

FÁTIMA AGRADECE AO POVO PELA VOTAÇÃO EXPRESSIVA ,AGORA VOU MAIS AFINCO PARA ELEGER ROBINSON E DILMA.



Eleita senadora do Rio Grande do Norte, a deputada federal Fátima Bezerra (PT) agradeceu a votação expressiva conquistada junto ao povo do Estado e convocou a militância e o eleitorado para eleger o candidato do PSD a governador, Robinson Faria, e a presidente Dilma Rousseff (PT). Ambos, aliados no Estado, são apoiados por Fátima e o PT e disputam o segundo turno no dia 26 de outubro. 

"Agora, vamos seguir a caminhada ainda com mais afinco para eleger nossos candidatos Robinson governador e Dilma presidenta. Dessa forma poderemos garantir a continuidade dos avanços no país e levar o RN para o trilho do desenvolvimento nacional”, disse Fátima ao Jornal de Hoje (que circula em Natal), na manhã desta segunda-feira (06).

Fátima ressaltou ter vencido o maior desafio da sua vida. E atacou a campanha da coligação adversária: "Vencemos uma luta desigual, sobretudo do ponto de vista econômico, onde prevaleceu o trabalho, a coerência dos candidatos enquanto agentes públicos. De minha parte, me alegra ter realizado uma campanha propositiva, sem ataques pessoais, contando minha trajetória de vida, meu trabalho de parlamentar, o que tenho a contribuir", disse.

Ao agradecer o povo do RN, que a fez a "primeira senadora eleita de origem popular", Fátima atribuiu a vitória ao trabalho que permeou seus 20 anos de atuação parlamentar. "Continuarei a voz dos potiguares, agora no Senado, na defesa incessante pela continuidade dos avanços na educação, por melhorias significativas no campo da saúde e segurança, enfim, uma voz que os represente em todas as questões pertinentes ao estado", finalizou.

MARINA DECIDE APOIAR AÉCIO,SEGUNDO O ESTADÃO

JOÃO DOMINGOS, DE BRASÍLIA, E ERICH DECAT, ENVIADO ESPECIAL AO RECIFE – O ESTADO DE S. PAULO
Reuters
Marina Silva (PSB), terceira colocada na disputa presidencial, decidiu apoiar Aécio Neves no 2.º turno da eleição presidencial. Quer, porém, que o tucano inclua em seu programa de governo causas defendidas por ela nas áreas educacionais e de meio ambiente. A ideia da ex-ministra é fazer o anúncio de um “acordo programático”. Esse apoio seria costurado a partir de itens convergentes nos programas dos dois, como o fim da reeleição e a reforma tributária.
Conforme informou a colunista Sonia Racy no portal estadão.com.br, o que está em discussão, agora, é se a adesão de Marina ocorrerá com o PSB ou se será uma manifestação da Rede Sustentabilidade, grupo político da ex-ministra abrigado no partido que foi presidido por Eduardo Campos, morto em agosto.
Marina diz que não quer condicionar sua decisão a cargos, o que ela define como “velha política”. O caminho da “nova política” é pedir um compromisso formal de pontos do programa de governo anunciado pelo PSB em agosto. O discurso é semelhante ao adotado um ano atrás, quando Marina se filiou ao PSB de Campos, e meses depois, ao anunciar ser vice na chapa então encabeçada pelo ex-governador.
Marina defende itens como a manutenção das conquistas socioeconômicas dos governos Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva, a inclusão da sustentabilidade na agenda e a garantia de aumento de produção do agronegócio sem riscos à floresta amazônica.

VEREADOR DE CAICÓ LELEU FONTES FOI O GRANDE RESPONSÁVEL PELA VOTAÇÃO EXPRESSIVA DE ROBINSON E FÁTIMA

Robinson e Fátima marcam o início de uma nova era na política, diz vereador Leleu

leleu voto 5
O vereador Leleu Fontes (PROS) foi o único político detentor de mandato eletivo que resolveu apoiar Robinson Faria (governo) e Fátima Bezerra (senadora) em Caicó. Ele resistiu aos encantos do que ele chama de “acordão” e com muita firmeza e coragem, evidentemente com apoio dos seus eleitores, colaborou para expressiva votação Robinson Faria e Fátima, que foi eleita senadora com votação histórica na capital do Seridó.
“Eu acreditei no sonho de Robinson governador e Fátima senadora. A força e a coragem do vice-governador, unida ao desprendimento petista, foi determinante para a consolidação da chapa majoritária”, destacou Leleu. A campanha nesse primeiro turno marcou o início de uma nova era na política do Rio Grande do Norte. O vereador lembrou que Robinson lutou com bravura para enfrentar a megaestrutura do acordão e garantir a sua presença no segundo turno. “E Fátima se encarregou de vencer a velha política e realizar o grande sonho dela se tornar senadora do RN”, disse ele.

ROBINSON BUSCA APOIO DO CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL CIÇÃO BANDIDO DE CAICÓ

Cição Bandido é hoje o político de Caicó cobiçado pelo vice-governador Robinson Faria (PSD), candidato ao Governo do Estado, para lhe apoiar no município.
Cição foi o candidato a deputado federal mais votado de Caicó, com uma votação consagradora de 11.300 votos.
Robinson já tenta o apoio de Cição, que segundo as informações chegadas ao blog, quer disputar a Prefeitura de Caicó, em 2016.

Em crise, Henrique Alves mudou marketing e coordenador da campanha

Além do marketing e coordenador mudou também a palavra ‘mudança’ na campanha
Mudaram Benes
O bacurau mufino disse ao soldado Vasco que ontem na reunião do alto-comando da campanha de Henrique Alves a decisão de mudar o marketing criou um problema conjugal..
O coordenador Benes Leocádio foi defenestrado.. Agora quem vai assumir a coordenação é o senador, Garibaldi Alves e o candidato a vice-governador, João Maia…
Mudaram também o irmão da mulher de Henrique Alves, cunhado, Arturo Arruda.
Segundo o bacurau mufino a campanha de Henrique Alves foi a mais desorganizada que ele já viu em todos os tempos.. ” quem não sabe organizar sua própria campanha, não sabe organizar um governo.” disse o velho bacurau com cara de tristeza..


Share Button