20 de mar de 2014

PREGO BATIDO PONTA VIRADA “ABRE UMA EXCEÇÃO APENAS PARA O SENADO”. DISSE O EX PREFEITO NÉO





Amanha acontece na cidade de Alexandria no oeste do nosso estado  uma das principais reuniões em volta da disputa pelo governo do estado. O ex – prefeito de Umarizal Manoel Paulo Cavalcante néo e seu grupo politico já estão nominalmente fechados para as eleições desse ano.

O blog entrou em contato com o  ex – prefeito néo e sua esposa elijane paiva para saber realmente qual a posição do grupo que tirou nas ultimas eleições de 2012 mais de 3.000 votos em nosso município.
O que ficou bem claro foi o seguinte, néo já conversou com todo o seu grupo e o resultado se  deu assim, apoio confirmado, governo do estado Henrique Eduardo Alves (pmdb) com o vice João maia do (pr) partido que néo e elijane fazem parte. Para deputado federal será Walter Alves (pmdb) que inclusive já entrou em contato com néo hoje para marcar um encontro amanha na cidade de Alexandria , para deputado  estadual néo já está fechado com o atual deputado  Gustavo Fernandes que é filho de Elias Fernandes uma das pessoas mais influentes do (pmdb) através de Henrique Alves.

Néo terá seu primeiro encontro oficialmente com Gustavo Fernandes amanha na cidade de Martins, onde reunirá varias lideranças do nosso município juntamente com elijane. A tarde o encontro será na cidade de Alexandria com a cúpula do pmdb do nosso estado, acredito eu que esse evento deve contar com a presença do ministro Garibaldi Alves filho e também da senadoravel Wilma de farias.

 
Vale salientar que se tudo de certo, a nossa cidade só tem a ganhar, por que néo e eleijane  estão apoiando políticos poucos votados em nossa cidade nos últimos anos, caso esse de Walter e de Gustavo Fernandes, quem sabe assim teremos deputados mais atuantes em nosso município, por que os que passaram deixaram muito a desejar.



Acredito eu que existe apenas uma lacuna em torno dessa chapa que está sendo oficialmente lançada, é o caso do apoio de néo a Wilma de varias, já que Wilma não foi 100% fiel ao apoio que os ex – prefeito lhe deu na sua primeira campanha em 2002, tudo isso aconteceu no primeiro turno onde Wilma era uma candidata desacreditada e tinha unicamente o apoio do ex - Néo e seu grupo .

Mais detalhes posteriormente aqui no blog aguardem !!!!!!!!!!!




APOIO / O PRECONCEITO É UMA DOENÇA DE CORAÇÃO IMPURO ------ O AMOR NÃO TEM FORMA, COR, CHEIRO, NOME, CODINOME NEM SEXO, SIMPLESMENTE É AMOR.






Aconteceu hoje pela manhã no mirante do Canto em Martins, uma cerimônia na qual estiveram oficializando união afetiva Antônio Filho e Isaac Riddle. Estiveram presentes na cerimônia, autoridades, familiares e amigos. O Blog IDEIAS & FATOS esteve presente através do seu fotografo Allander Vieira. Parabéns aos 2 por terem tido a coragem de quebrar a barreira do preconceito. Vida plena aos dois.


FONTE:http://ideias-efatos.blogspot.com.br/2014/03/o-amor-nao-tem-forma-cor-cheiro-nome.html#.UytHZ85tc_F


ADAPTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA

DILMA FAZ O QUE QUER COM O COMGRESSO NACIONAL. DISSE O PRESIDENTE DO SUPREMO



E SOBRE OS DEPUTADOS JÁ VOTADOS EM UMARIZAL !!!!!!!!!!




queria dizer a todos, que esse blog vai fazer sim todos os levantamentos sobre o trabalho de todos os deputados já votados em nossa cidade.

como é um trabalho muito minucioso, vou postar uma matéria de cada vez e uma vez por semana. quer dizer essa semana eu falei sobre o deputado José dias (psd) e próxima semana falarei sobre o deputado estadual Leonardo Nogueira que foi apoiado aqui pelo ex – prefeito Néo.

Na política do RN, a desconfiança recíproca e o excesso de peso ameaçam os palanques montados


O movimentado último final de semana deu a impressão de que tudo começava a se definir na política do Rio Grande do Norte.

Henrique Alves reuniu prefeitos para lançar-se ao governo.

Vilma Faria foi assediada por todas as tradicionais lideranças para ser a candidata ao senado, junto com Henrique. Transformou-se na “joia da coroa”.

Robinson Faria reafirmou que disputará o governo pelo PSD.

Fátima Bezerra mostrou-se determinada a disputar o senado.

José Agripino, em entrevista à TN, colocou as “cartas na mesa” sobre o apoio do DEM à reeleição de Rosalba.

Tudo parecia “prego batido e ponta virada”! Entretanto, passadas as primeiras 48 horas, a atmosfera continuou turva.

Poucos sinais de que todas as estratégias eleitorais estejam definidas e consolidadas. Os palanques montados demonstram, claramente, um clima interno de profunda desconfiança recíproca e excesso de peso.

Ninguém confia em ninguém.
O peso das ambições pessoais também ameaça a estabilidade desses palanques.
Senão vejamos.

Henrique não confia em Vilma. Teme que aconteça em 2014 o que aconteceu no passado, quando ela rompeu com José Agripino para apoiá-lo na candidatura a Governador do RN e terminou sendo ela mesma a candidata.

À época até secretaria de estado Henrique assumiu para ser o candidato ao governo, com um arco de aliança fortíssimo liderado por Vilma, então prefeita de Natal.

Mais distante no tempo, Henrique recorda quando Vilma igualmente prometeu apoiá-lo para prefeito de Natal e de última hora lançou Aldo Tinoco, que o derrotou.

No PT, Fátima não confia em Mineiro. Teme que ele estimule a sua candidatura ao senado, apenas para eleger-se deputado federal, sempre se opuseram internamente no partido.

Por seu lado, Mineiro desconfia que Fátima aceite ser vice de Henrique, ou reflua para disputar a deputação federal, como querem alguns amigos próximos dela.

O maior temor de Henrique Alves é Vilma rebelar-se de última hora e candidatar-se ao governo, alegando pressão dos socialistas. Nesse caso, Vilma puxaria Fátima, formando uma chapa para enfrentar o resto dos partidos.

O PT aceitaria tal composição, como forma de cooptar o apoio do PSB, em possível segundo turno presidencial.

Restaria a Henrique oferecer à Robinson a vice-governadoria, ou a candidatura ao senado. Caso Robinson recusasse, não teria como montar o seu palanque, por falta de nomes.

A possível resistência a tais esquemas seria a governadora Rosalba Ciarlini candidatar-se à reeleição. Essa hipótese, após a entrevista do líder dos democratas, José Agripino, está cada dia mais distante.

O desejo do DEM é aliar-se aos Alves, apoiar Vilma e priorizar a eleição proporcional. O resumo da ópera mostra claramente, que os maiores “trunfos” políticos estão nas mãos de Vilma Faria. Ela vem sendo aplaudida, elogiada e apoiada pelos grupos tradicionais da política potiguar (Alves e Maia).

Todos a cortejam e aceitam o seu nome como imbatível na eleição de 2014. Mesmo assim, não se sabe a consistência eleitoral de Vilma. Há profundas dúvidas. Só as urnas dirão.

A verdade é que Vilma, hoje, pode manobrar como queira e até desmoralizar seus antigos opositores, que perderão o discurso para combatê-la.

Aproxima-se mais um fim de semana, mesmo que Henrique e “seus aliados” consigam dobrar Vilma e ela o apoie no final de março, lançando-se para o senado, a dúvida persistirá até o último dia do prazo para encaminhar o pedido de registro eleitoral.

Como já afirmou Vilma: “mudando o cenário, os compromissos poderão mudar também”.
Percebe-se, portanto, que a “desconfiança” continuará na atmosfera política potiguar.
Além disso, os palanques ameaçam cair, pelo excesso de peso!

Fonte: Blog do Ney Lopes

Por fim, Rosalba "distante" de São José



Por: Gutemberg Moura

A governadora Rosalba Ciarlini não participou das festividades de São José, este ano. Um sinal, claro e evidente, de que as coisas vão de mal a pior para os lados da “Rosa”.

Definitivamente, Rosalba e gente não se misturam. Teve povo, Rosalba está longe. Desta feita, longe demais, em Brasília, tratando de “assuntos administrativos”.

Pela capital da República, recebeu, em nome do Estado, as chaves de caminhão do programa Proart.

São José nem pensar. Talvez, por receio de hostilidades. Ou de vaias, numa linguagem mais clara.

Fonte: www.gutembergmoura.com.br

Manoel Onofre não se manifestará sobre escândalo de prédio abandonado

ltimos ocupantes da procuradoria geral de Justiça tentam transferir responsabilidade sobre o imóvel abandonado há seis anos


Por Ciro Marques
Se existe um assunto que os últimos três procuradores-gerais de Justiça (PGJ) parecem não gostar de falar, é sobre o imóvel localizado no cruzamento da Avenida Deodoro da Fonseca com a Rua José de Alencar. Abandonado desde 2008, quando foi comprado pelo órgão pelo valor de R$ 800 mil, o prédio é empurrado de uma gestão para outra. Talvez por consequência da quantidade de lixo e de problemas estruturais que o imóvel apresenta. Talvez pelo fato dele ser a personificação das dificuldades que um gestor atravessa, o que torna o discurso real bem longe do ideal.
Manoel Onofre foi procurador geral de Justiça logo depois da compra do imóvel e tentou repassa-lo para o Governo
Manoel Onofre foi procurador geral de Justiça logo depois da compra do imóvel e tentou repassa-lo para o Governo
Afinal, o Ministério Público do Rio Grande do Norte, que tanto cobra estudos e análises antes que o gestor público (municipal ou estado) dê qualquer passo numa administração, comprou um imóvel em 2008, sem qualquer análise que apontasse que o local não poderia ser utilizado para o interesse que o órgão tinha, de instalar nele as promotorias de Investigação Criminal. Promotor de Direito de Defesa do Consumidor, José Augusto Peres, procurador-geral na época, explicou que foi surpreendido pelo fato do imóvel, porque tinha 12 e não 15 vagas na garagem, não poderia conseguir o alvará da Prefeitura de Natal.
Peres, no entanto, não explicou porque é que, desde então, o imóvel não teve qualquer utilização. Isso caberia ao promotor da Infância e Juventude, Manoel Onofre Neto, que assumiu a PGJ depois dele. Manoel Onofre, no entanto, não se manifestou. Encaminhou o caso para a Assessoria de Imprensa do órgão, que poderia se manifestar oficialmente sobre o caso.
A explicação dada pela assessoria foi que, vendo que o imóvel não poderia ser utilizado para o fim que a gestão anterior pretendia e tendo recebido um pedido oficial da Polícia Civil, de que no imóvel fosse instalada a Divisão de Homicídios, decidiu oficializar a doação para o Governo do Estado. O repasse foi oficializado pela Lei número 9.483, aprovada em 2011 pela Assembleia Legislativa.
Para que a doação fosse concluída, no entanto, vários problemas burocráticos se alternaram. O principal deles, o fato de ser necessário que as três empresas responsáveis pela avaliação do imóvel na época em que ele foi comprado pelo MP, fizessem uma nova avaliação. Duas delas, no entanto, haviam fechado. O Ministério Público teria que abrir uma nova licitação para a contratação de outras duas empresas. Fez isso, mas a licitação deu deserta.
(Foto: Wellington Rocha)
(Foto: Wellington Rocha)
Era, mais uma vez, a diferença entre o ideal da administração pública e o real, o que normalmente acontece para atrasar a tramitação e as respostas do poder público. Era, mais uma vez, o que o Ministério Público cobra, a boa utilização de recursos públicos e a agilidade na gestão, se voltando contra ele.
De qualquer forma, quase três anos depois da aprovação, o imóvel deverá finalmente ser doado ao Governo do Estado, para que o Rio Grande do Norte atendesse uma das várias exigências do Governo Federal para receber os recursos do Brasil Mais Seguro, implantando a Divisão de Homicídios em Natal. O fato, por sinal, foi até citado num texto interno que o atual procurador geral de Justiça, Rinaldo Reis, enviou para seus servidores e membros e que o portalnoar.com teve acesso.
“Ainda como esforço do MP para ajudar, no que pudermos, a intensificar o combate ao referido delito, autorizamos a doação de prédio próprio do MP na capital do Estado, com o objetivo de nele construir a Divisão de Homicídios, uma das principais apostas do Executivo para aperfeiçoar a persecução penal na matéria, constante de sua matriz de responsabilidade no bojo do programa Brasil Mais Seguro, firmado entre o RN e o Governo Federal”, ressaltou Rinaldo Reis na mensagem.
Distante do real, novamente, destaca-se. Afinal, no discurso, Rinaldo Reis não citou a necessidade de uma completa reforma no imóvel, devido aos vários anos que ele ficou fechado. Para se ter uma ideia, o prédio não tem janelas, nem portas. O telhado está totalmente descoberto, o que facilitou o surgimento de infiltrações no teto e nas paredes. A Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesed) terá muito trabalho pela frente.
Atualizado em 18 de março às 19:33

Imóvel abandonado pelo MP é invisível para promotores do Patrimônio Público

Durante seis anos, nenhum procedimento preparatório ou inquérito civil foi instaurado para investigar prédio de R$ 800 mil, comprado e abandonado pelo Ministério Público


Por Ciro Marques
Os promotores do Patrimônio Público não são tão vigilantes quanto parecem ao anunciar investigações e denúncias contra ordenadores de despesa. Isso porque, não viram o imóvel abandonado pelo Ministério Público desde 2008, mesmo ele se localizando no centro de Natal, entre três tradicionais colégios privados (Marista, CDF e Cade), na esquina da Avenida Deodoro da Fonseca com a Rua José de Alencar.
Interior do prédioalagado pelas águas da chuva: possível foco da doença(Foto: Wellington Rocha)
Interior do prédioalagado pelas águas da chuva: possível foco da doença(Foto: Wellington Rocha)
Isso porque mesmo representando, para muitos, uma flagrante irregularidade, por significar um imóvel de R$ 800 mil, comprado e abandonado por um órgão público, o imóvel não foi, durante todo esse período, alvo de qualquer inquérito civil por parte das promotorias de Patrimônio Público de Natal. Nem procedimento preparatório foi feito, mostrando que o prédio, realmente, foi invisível durante todo esse período.
“Que eu saiba, não foi aberto nenhum processo nesse sentido”, respondeu a promotora Keiviany Silva de Sena. coordenadora das promotorias de Patrimônio Público, ao ser questionada se as promotorias instauraram ou vão instaurar algum procedimento para apurar a compra e o abandono do imóvel. Não há também no Centro de Apoio Operacional às Promotorias (CAOP) do Patrimônio Público “qualquer notícia de abertura de processo para apurar o caso”, mostrando que o imóvel, realmente, passou desapercebido durante esses anos – ou os promotores fecharam os olhos para ele.
É importante dizer que para muitos dos advogados e juristas ouvidos pelo portalnoar.com, são claros os elementos que representariam atos de improbidade administrativa pela compra do imóvel. Primeiro: a compra em si, porque o imóvel não atendia aos interesses do órgão (que buscava um prédio para receber as promotorias de patrimônio público), mas mesmo assim foi comprado.
Segundo, pelo abandono. O imóvel, adquirido em 2008, ficou fechado durante todos esses anos, sem receber qualquer obra significativa de reparo, o que acabou por comprometer sua estrutura física e, consequentemente, diminuir seu valor. Tanto que o Ministério Público tentou vendê-lo, não conseguiu nem avaliá-lo (por não concluir o processo licitatório para levar o valor que deveria custar) e, agora, tenta doá-lo ao Governo do Estado, para que o Executivo fique responsável por dar um destino para ele.
Não que isso não seja uma atribuição do Ministério Público. Até porque, o MP, por meio da promotoria de Patrimônio Público, comandada pelo promotor Flávio Pontes, instaurou inquérito para apurar o abandono do antigo prédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), por parte da Prefeitura de Natal. Dentro do inquérito, foi solicitado até “inspeção do Corpo de Bombeiros, feita por um engenheiro civil, a fim de saber qual a real condição do prédio, se há presença de pragas, qual o período que ocorreu a deteriorarização da propriedade, e por fim, apresentar uma estimativa financeira do valor dos danos causados ao imóvel, o prazo para o Corpo de Bombeiro também é de 10 dias úteis”.
Procuradores
É importante lembrar que, apesar dos promotores do Patrimônio Público não terem se importado com a compra do prédio que não serviria para os interesses do MP, o colégio de procuradores, pelo menos, se manifestou. Pediu explicações ao procurador geral de Justiça da época, Manoel Onofre. Contudo, o caso não foi levado adiante, até porque o colégio não tem poder de conduzir investigações.
Atualizado em 19 de março às 18:58

DEPUTADO JOSÉ DIAS AFIRMA QUE " NOS ÚLTIMOS 40 ANOS O RN ELEGEU ALVES OU MAIA E O RESULTADO FOI ESSE DESCALABRO"


O Jornal de Hoje destaca que na visão do Deputado Estadual, José Dias (PSD), após quatro décadas, o Rio Grande do Norte elegeu governantes oriundos da família Alves, família Maia, ou apoiados pelas duas famílias, como a atual governadora, Rosalba Ciarlini (DEM). Segundo ele, a experiência mostrou que o resultado foi um estado atrasado, com educação sucateada, saúde de país subdesenvolvido e segurança que mais se assemelha a uma guerra civil. 

"Em 40 anos, após Aluizio Alves, Monsenhor Walfredo Gurgel e Cortez Pereira, isto é, de Dr. Tarcísio Maia para cá, todos os governadores do RN ou foram eleitos pelos Alves, pelos Maias, ou pelos dois juntos, que foi o caso de Rosalba. Isso foi a grande solução do RN?", questiona o deputado José Dias, ao propor uma quebra de paradigma nas eleições deste ano, o que, segundo ele, ocorrerá com a eleição de Robinson Faria (PSD) governador do Rio Grande do Norte.

Para José Dias, o Rio Grande do Norte só não assistirá a eleição deste ano tendo candidato único devido à coragem do presidente do PSD, vice-governador Robinson Faria, que vem resistindo "ao canto da sereia" para não desistir de ofertar ao estado uma alternativa de poder. O parlamentar também ressalta o gesto do Partido dos Trabalhadores no Rio Grande do Norte, que deverá lançar a deputada federal Fátima Bezerra ao Senado, ao lado de Robinson.

"Você tem que reconhecer que nós só não temos candidato único pelo gesto de coragem de Robinson e do PT. Porque a chapa, se não for casada entre PSD e PT, perde substância. Mas é o gesto de Robinson que vem resistindo mais que Ulisses ao canto da sereia. Ele conseguiu resistir esse tempo todo ao canto da sereia, e o PT está tomando posição de independência, até porque foi agredido e excluído. Mas sem a posição do PT, o nosso gesto, do PSD e de Robinson, não tinha as consequências que tem. Porque nós vamos para uma disputa sem máquina, mas confiando no povo", declarou o deputado.

Instado a falar sobre as especulações de que Robinson poderia desistir da disputa, em função do poderio político e econômico do palanque adversário, José Dias disse que essa é "a parte mais suja do jogo", quando "plantam notas para tentar confundir a opinião pública". 

Para José Dias, "se Robinson já resistiu até aqui, porque vai capitular agora?", indaga, observando que o grupo "nunca alimentou a ilusão de montar frente ampla". "Sempre tivemos a certeza que seria uma frente de resistência. Essa está montada. E acredito que não ficará somente no PSD e no PT. Não tenho a menor dúvida que outros partidos, que não são os dominantes, se associarão a nós. Esse quadro nós já antevíamos", afirmou.TAGS:PSD

ROBINSON TERÁ REUNIÃO MARCADA COM PSD NACIONAL EM SÃO PAULO E EMBARCA PARA OS EUA AMANHÃ


kassab_e_robinson
O vice-governador Robinson Faria, que continua tentando viabilizar sua candidatura ao Governo do Estado, tem reunião importante nesta quinta-feira (20).
A conversa será com o presidente nacional do PSD, o ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Robinson vai mostrar o cenário do Rio Grande do Norte. Nesta sexta-feira (21), Robinson viaja com a família para os Estados Unidos. Inclusive, o deputado federal Fábio Faria leva a apresentadora Patrícia Abravanel (SBT). 
 
TAGS:PSD

PREFEITURAS RECEBEM HOJE DIA 20 A SEGUNDA PARCELA DO " FPM " DE MARÇO


O segundo repasse do mês de março do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) será depositado na conta dos Municípios nesta quinta-feira (20).
E o montante será de R$ 292.455.997,15, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Em valores brutos, somada a retenção do Fundo, o montante é de R$ 365.569.996,44.TAGS:
 
FONTE: FEMURN

IVONETE DANTAS SUPLENTE DE GARIBALDI ALVES " PAI " NÃO VAI ASSUMIR O SENADO FEDERAL

Ivonete Dantas não será mais convocada para assumir cadeira de senador


           04_ivo9nete
A informação foi dada em primeira mão pela blogueira Laurita Arruda, esposa do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves.
O senador Garibaldi Alves deverá se ausentar das atividades do Senado durante abril e não mais por três meses como se chegou a noticiar.Assim, não há necessidade da suplente Ivonete Dantas assumir a cadeira de Gari pai…

TAGS:PMDB