29 de nov de 2018

Vem ‘barulho’ pela frente

Um aviso aos navegantes:  Não tem só um, nem dois, nem três deputados estaduais eleitos e reeleitos que podem perder os mandatos para a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte a partir de janeiro.  Tem mais.  Vai dar muito barulho. Podem apostar. As prestações de contas, operações em andamento, abuso do poder econômico, investigações a caminho e “otras cozitas más” vão incendiar o legislativo.  Quem tá fora, pode entrar… e quem tá dentro pode sair. Faz parte.

Nova eleição deve ser marcada para Santa Cruz (RN)

Foi publicado na edição desta quinta-feira (29) do Diário Oficial da Justiça o acórdão que cassa o mandato da prefeita, do vice-prefeito e mais seis vereadores do município de Santa Cruz, na região Agreste potiguar. A decisão prevê afastamento imediato e convocação de novas eleições.  Com a publicação, devem deixar os cargos Fernanda da Costa Bezerra (MDB) e Ivanildo Ferreira Lima Filho (PSB), até então prefeita e vice, e mais os vereadores Tarcísio Reinaldo da Silva (PSB), Ana Fabrícia de Araújo Silva Rodrigues de Souza (PDT), Mário Augusto Ferreira de Farias Guedes (MDB), Jefferson Monik Gonçalo Lima de Melo (PTN), Thiago Augusto Fonseca Gomes (MDB) e Raimundo Fernandes Soares (PSB).  Todos, ainda de acordo com a decisão da Justiça Eleitoral, foram cassados por prática de abuso de poder político com repercussão econômica nas eleições de 2016.  O advogado André Castro, que representa Fernanda da Costa Bezerra, disse que a defesa respeita, contudo discorda da determinação do TRE, e que vai recorrer da decisão.  

G 1 (RN)