11 de mar de 2014

Deputados aprovam comissão externa para investigar denúncia sobre Petrobras


O requerimento foi aprovado com apoio da bancada do PMDB, partido da base aliada ao governo.

Agência Brasil,
camara_petros_370Mesmo com todas as tentativas do governo de barrar a criação de uma comissão externa para investigar denúncias de pagamento de propina a funcionários da Petrobras, a Câmara dos Deputados aprovou hoje (11) a proposta em votação simbólica. O requerimento foi aprovado com apoio da bancada do PMDB, partido da base aliada ao governo.
O governo ainda tentou barrar a iniciativa da oposição por meio de um requerimento pela retirada da proposta, mas o plenário rejeitou o pedido. Por 216 votos a favor, 38 contrários e 11 abstenções, os parlamentares mantiveram em pauta a proposta da oposição.

 Com a criação da comissão, deputados deverão viajar à Holanda para acompanhar a investigação de denúncias relacionadas a irregularidades na Petrobras.

[Vídeo] Ex-secretário diz que segurança não é prioridade para o Governo do RN


Para ex-secretário, nos três anos em que passou à frente da pasta governamental, a segurança pública não esteve entre os três primeiros itens de prioridades do Governo


Por Saulo de Castro
Aldair da Rocha deixou pasta da segurança pública no RN
Para o agora ex-secretário de segurança pública do Rio Grande do Norte, Aldair da Rocha, a segurança não é prioridade para o governo estadual. Em entrevista ao portalnoar.com, Aldair da Rocha disse que nos três anos em que passou a frente da pasta governamental, a segurança pública não esteve entre os três primeiros itens de prioridades do Governo.
Segundo ele, houve pouco investimento nesse período, o que repercutiu seriamente na segurança pública estadual. Ainda segundo Aldair, boa parte dos investimentos destinados à pasta, no último ano de sua gestão vieram do Governo Federal, com pouca participação do governo estadual. “Infelizmente eu cheguei no momento em que o estado atravessa uma crise econômica muito grande e não tive aquilo que desejava, apesar dos pleitos, houve uma diminuição cada vez maior dos recursos repassados para a secretaria”, desabafou.
Além disso, o ex-secretário alegou o excesso de burocracia como o limite prudencial e a Lei de Responsabilidade Fiscal como entraves para a execução de projetos que segundo ele, fariam a segurança do RN dar um salto.
Mesmo assim o ex-secretário comemora o fato de todos os projetos que foram imaginados para a segurança pública foram aprovados e estão fazendo parte de um programa maior, como o Programa Brasil Mais Seguro. ““Eu acredito que com esse programa, vamos conseguir melhorar e muito a segurança pública no estado”, disse.
Para o novo secretário que assume a pasta, o general do Exército da reserva, Eliéser Girão Monteiro Filho, Aldair diz que seu maior desafio vai ser gerenciar a segurança em no período da Copa do Mundo.
Mesmo prevista, pelos rumores de uma provável candidatura nas eleições deste ano, Aldair diz que sua saída da Sesed deixa uma sensação de frustração. “Poderíamos estar colhendo os frutos desses projetos, mas como não foi possível, esses projetos estão, hoje, dentro de programas maiores”, declarou.
Quanto a sua candidatura, o ex-secretário disse que ainda não tem nada definido, mas garantiu que caso ocorra, sua plataforma de campanha não ficará distante das questões que envolvem a segurança pública. “Estou há 36 anos na segurança pública e com certeza o foco principal é a segurança, mas quando falamos de segurança, falamos também de educação, saúde, a exemplo das drogas e tudo isso reflete na segurança”, concluiu.
Veja entrevista com Aldair da Roch
)

Enquanto PMDB está indefinido, Wilma continua livre, leve e solta

Enquanto o PMDB continua indefinido em torno do seu candidato ao Governo do Rio Grande do Norte, a vice-prefeita Wilma de Faria(PSB) continua livre, leve e solta para escolher qual cargo eletivo que irá disputar no pleito de outubro próximo. Se ela vai escolher disputar o Governo, isto já é uma outra história….
20140311-074900.jpg

Faculdade de Medicina da Uern receberá primeira estudante paraplégica




A Faculdade de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (FACS/UERN) terá que se adaptar às necessidades de uma estudante aprovada no último processo seletivo vocacionado (PSV 2014), beneficiada com o sistema de Cotas para Pessoas com Deficiência.
Nadjaneyre Linhares Cassimiro é paraplégica e se submeteu na manhã desta terça-feira (11) à avaliação da junta multidisciplinar para confirmar sua vaga  no curso de Medicina. Natural de Souza/Paraíba, a estudante ingressará no primeiro semestre. O diretor da Comissão Permamente de Vestibular (Compever), Egberto Mesquita, afirma que a universidade terá que fazer adaptações. "Será a primeira aluna paraplégica do curso de Medicina. A sala que funcionava no primeiro andar terá que ser no térreo", afirmou o professor Egberto Mesquita.
Em matéria publicada no site da Uern, a estudante informa que para ir até a escola na cidade Souza, ela utilizava uma cadeira de rodas sem grandes dificuldades. “Sempre lutei para cursar Medicina e finalmente consigo uma vaga na Uern, em Mossoró, e assim, seguir a profissão de outros familiares que se formaram ou que ainda cursam Medicina em outros centros”, disse. Seus pais Nalvino Linhares e Maria do Socorro Cassimiro de Oliveira sempre recorriam a um transporte tipo Van, adaptada para fazer o deslocamento de sua residência ao colégio. E este é o novo desafio que o casal passa a enfrentar em Mossoró, a partir de agora.
O pai da estudante afirmou que iria aproveitar a vinda a Mossoró para se inteirar sobre a mobilidade urbana da cidade, além de procurar opções de moradia para a filha.
Junta – A Junta Multidisciplinar da UERN funciona na manhã desta terça-feira, em Mossoró, na Faculdade de Medicina, e depois se instala em Patu e Natal, para dar andamento ao trabalho de avaliação. As vagas não ocupadas após a primeira chamada dos convocados para ingresso no 1º semestre de 2014 serão preenchidas com utilização da lista de espera.

VEREADOR DR. ERICO ONOFRE (PMDB) NUNCA PROMETA O QUE VOCÊ NÃO PODE CUMPRIR, POR QUE POLITICO QUE NÃO CUMPRE COM O QUE DIZ NÃO MERECE VOTO DE NINGUÉM.




FICO AQUI EU PENSANDO ..... POR QUE A MAIORIA DOS POLÍTICOS NÃO TEM PALAVRA.   CARO AMIGO DR.ERICO ONOFRE GOSTO MUITO DE VOCÊ MAS SUAS ATITUDES ME DEIXA A CADA DIA MAIS DESACREDITADO .... VOCÊ PROMETE DE MAIS E NÃO CUMPRE COM SUAS PALAVRAS ..... POR ISSO VEREADOR QUE SEU ÍNDICE DE REJEIÇÃO ESTÁ GRANDE .... VOLTO A REPETIR O QUE LHE DISSE LÁ NA RESIDÊNCIA DO EX - PREFEITO ROGERIO SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE VOCÊ NÃO SERIA REELEITO....

POLITICO QUE NÃO CUMPRE COM O QUE DIZ NÃO MERECE VOTO NÃO , A BASE QUE LHE SUSTENTAVA QUE PENA QUE JÁ SE FOI. E VOCÊ NÃO TEM ARTICULAÇÃO POLITICA NENHUMA DENTRO DO NOSSO MUNICÍPIO..... PRA VOCÊ CHEGAR A SER REELEITO HOJE PRECISARIA GASTAR UMA FORTUNA..... PENSE NISSO...

O QUE EU VEJO SÃO APENAS PROMESSAS DE COISAS CHEIAS DE MAQUIAGEM , AGORA NA PRATICA NADA AO MEU VER  ESTÁ SAINDO DO PAPEL. POLITICO TEM QUE TER PULSO E SABER SER INFLUENTE, COISA DR. QUE VOCÊ NÃO SABE SER, LEMBRE-SE  QUE O DINHEIRO NÃO É TUDO E VOCÊ SABE MUITO BEM DISSO, POR QUE NA SUA PRIMEIRA ELEIÇÃO VOCÊ QUASE NÃO ERA ELEITO FICOU EM ULTIMO LUGAR NA SUA  LEGENDA  .

PRA TERMINAR EU VOU REPETIR NÃO PROMETA O QUE VOCÊ NÃO PODE CUMPRIR   

TSE nega pedido de multa por reunião entre Dilma e Lula no Alvorada

  O ministro Admar Gonzaga, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), rejeitou ontem dia  (10) pedido de liminar do PSDB para multar a presidenta Dilma Rousseff pelo encontro com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e integrantes do PT, no Palácio da Alvorada, quarta-feira (5) passada.

Gonzaga decidiu analisar o caso definitivamente no mérito, após parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE) e argumentação das defesas. Na decisão, o ministro disse que não se verifica “ a presença dos pressupostos autorizadores para a concessão da medida pleiteada [liminar]”.

Na representação, protocolada sexta-feira (6) no tribunal, o PSDB questiona o uso da residência oficial, em horário de expediente, para o que considerou uma reunião eleitoral. O PSDB pediu uma medida cautelar para impedir o uso reiterado “da residência oficial da Presidência da República para atos de campanha eleitoral, de caráter público, até o julgamento final da presente ação”, e o pagamento de multa de R$ 100 mil.

Também estavam no encontro de quinta-feira o presidente nacional do PT, deputado estadual (SP) Rui Falcão, o marqueteiro João Santana, o ex-ministro da Comunicação Social Franklin Martins, o presidente do PT-SP, Edinho Silva, o ministro Aloizio Mercadante, chefe da Casa Civil, e o chefe de gabinete da Presidência, Giles Azevedo.

Especialista afirma que não há como Cláudia Regina disputar eleição suplementar

Ex-juiz do TRE, Fábio Hollanda, acredita que única forma da prefeita afastada voltar a prefeitura é revertendo decisões no Tribunal Superior Eleitoral (TSE)


Por Ciro Marques
A defesa da prefeita afastada de Mossoró, Cláudia Regina (DEM), só tem uma opção se quiser fazê-la voltar a chefia do Executivo Municipal: reverter, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), todas as decisões que a condenaram no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A análise é do advogado Fábio Hollanda, ex-juiz do TRE e especialista em Direito Eleitoral. Segundo ele, não há como Cláudia Regina participar do pleito suplementar, marcado para o dia 4 de maio.
Cláudia Regina está afastada da Prefeitura de Mossoró desde novembro do ano passado
“Não é possível ela conseguir disputar a eleição suplementar. Pela legislação atual, quem deu causa a anulação da eleição, não pode disputar o pleito suplementar. E como ela teve o registro de candidatura cassado e, por ter recebido mais de 50% dos votos, deu origem a uma nova eleição, não tem como ela participar desse pleito”, afirmou Fábio Hollanda.
A intenção de fazer Cláudia Regina candidata na eleição suplementar foi externada pelo advogado da prefeita afastada, Kennedy Diógenes, na manhã de hoje (10). “No tocante a resolução do TRE, que fixou data para eleição de Mossoró, a defesa da prefeita esclarece que ela poderá ser candidata, uma vez que se espera reverter às condenações no TSE. Isso gera uma expectativa de direito para legitimá-la, inclusive, para concorrer ao pleito suplementar”, afirmou o defensor.
Além da “legislação atual”, segundo Fábio Hollanda, os planos da defesa também caem por terra porque, com a Lei Complementar 135, também conhecida como Ficha Limpa, fica inelegível por oito anos todo o agente político condenado por um tribunal colegiado. E como Cláudia Regina já acumula algumas sentenças condenatórias no TRE, ela já não pode se candidatar.
“A única opção seria a defesa da prefeita tentar a suspensão da eleição suplementar, como já conseguiu uma vez. Mas fazê-la ser candidata no novo pleito, não tem como”, afirmou Fábio Hollanda, concordando que a única forma, no atual momento, de fazer Cláudia Regina voltar à chefia do Executivo municipal seria ela reverter todas as condenações sofridas no TRE e que causaram a cassação dela. “Contudo, isso parece que está cada vez mais difícil para ela”, analisou o ex-juiz eleitoral.
Cláudia Regina e o vice-prefeito, Wellington Filho (PMDB), estão afastados da Prefeitura de Mossoró desde novembro de 2013, quando sofreram a primeira das seguidas condenação no TRE por conduta vedada durante as eleições de 2012. Dentre outras irregularidades, a dupla teria sido beneficiada pela máquina pública estadual durante a campanha. Atualmente, o Município é administrado pelo presidente da Câmara Municipal, o vereador Francisco José Júnior, do PSD.
Atualizado em 10 de março às 18:49

TEMER DIZ QUE PMDB E PT ESTÃO FECHADOS RUMO A REELEIÇÃO

 
Da Folha – Após longas reuniões nos últimos dias sobre a relação do PMDB com o governo federal, o vice-presidente Michel Temer (PMDB) disse nesta segunda-feira (10) que a aliança com o PT está “garantida” e que discussões internas entre as siglas expõem “solidez” na parceria entre os dois partidos. Na Câmara dos Deputados, congressistas do partido, liderados por Eduardo Cunha (RJ), vêm fazendo duras críticas ao modo como a presidente Dilma Rousseff lida com o PMDB.
Temer (foto) disse que o saldo dos encontros recentes foi “muito positivo” e que as duas partes estão “conversando muito bem”. “É uma aliança muito sólida e, por mais que muitas vezes se diga que há embaraço, devo dizer com toda a tranquilidade que as conversas que tive ontem à noite e que tivemos hoje com as lideranças do PMDB revelam a solidez da nossa aliança”.TAGS:PT

COORDENADOR DO SINTE- RN É AGREDIDO POR POLICIAIS MILITARES

Nesta segunda-feira (10), o Sindicato dos trabalhadores em educação pública do Rio Grande do Norte (Sinte-RN) realizou um ato de protesto contra o desconto nos salários dos grevistas feito pela Secretária de Estado da Educação e da Cultura (SEEC). 

A concentração aconteceu em frente ao IFRN Campus Central, na avenida Salgado Filho e seguiu em direção à Governadoria, em Natal. A Polícia Militar precisou ser acionada.

Segundo o secretário-adjunto de Educação, Joaquim Oliveira, o Governo do Estado entende que toda a pauta de reivindicações dos professores já foi atendida e que não havia motivo para que ocorresse nova negociação entre servidores e o Executivo.

Por outro lado, os manifestantes teriam, de acordo com o secretário, invadido a Seec e tratado de forma hostil alguns dos servidores, o que motivou o secretário a chamar a Polícia Militar. 

De acordo com o Sinte, o coordenador geral do sindicato, José Teixeira, teria sido agredido por policiais militares enquanto participava de protesto. O sindicalista teria sido sofrido um corte no supercílio e uma torção no pé. "Não entendo o porquê disso, nossa manifestação é totalmente pacífica", protestou a coordenadora do Sinte, Fátima Cardoso.

DEPUTADO GUSTAVO FERNANDES ESTÁ ENTRE OS PARLAMENTARES QUE MAIS GASTA COM VERBAS DE GABINETES EM 2013




O Blog Panorama Político informa que a CidadaniaRN, fanpage criada no Facebook pelo jornalista Wagner Lopes, traz hoje um balanço sobre a verba de gabinete dos deputados estaduais em 2013. 

Um total de R$ 6.665.767,25 foram declarados pelos 24 deputados estaduais do Rio Grande do Norte, em 2013, para ressarcimento a título de verbas indenizatórias do exercício parlamentar. A despesa com dinheiro público em tese não é ilegal.

O valor é superior a R$ 1 milhão por bimestre e todos os parlamentares gastaram em média mais de R$ 20 mil mensais. De acordo com as prestações de contas disponíveis no Portal da Transparência da Assembleia Legislativa, os três que solicitaram ressarcimento dos maiores valores ao longo do último ano foram Nélter Queiroz (R$ 288 mil), José Adécio (R$ 287 mil) e Gustavo Fernandes (R$ 287 mil).
Ainda em tese, essas verbas serviriam para permitir inclusive que políticos com poucos recursos próprios para realizar seu trabalho pudessem exercer os mandatos adequadamente, contudo a falta de regras no uso das verbas apenas aumenta a desconfiança quanto à destinação desse dinheiro.
"Exemplos"

Do total apresentado para ressarcimento pelo deputado Raimundo Fernandes (R$ 283 mil), nada menos de R$ 128 mil em recursos públicos foram destinados à Associação Cultural Esportiva Rodolfense (Acerf), a título de "apoio cultural a entidades sociais". Somente em setembro foram R$ 13 mil.

ROBINSON FARIA QUE ESCUTAR E FALAR POUCO

 
Hoje foi a vez do G 10 – grupo político formado por PV, PSDC, PEN, PMN, PTC, PRP, PHS, PTN, PSL e PT do B – receber a visita do vice governador Robinson Faria (PSD).
Antes, Faria tentou reuniões isoladas com os líderes dos partidos de menor representação eleitoral. Sem sucesso.
“Grupo é grupo” e já decidiu que só se manifestará em bloco. A união faz a força, enfim..
Iniciada a reunião, o Verde Walter Fonsêca questionou Faria sobre a palavra do pré-candidato a governador:
- “Eu vim para escutar”, declarou RF.
Próxima sexta, o grupo volta a se reunir para …falar.
Falar sobre o que ouviu e decidir uma data para ouvir as pré-candidatas ao Senado Federal; Fátima Bezerra (PT) e Wilma de Faria (PSB).
É o que G10 também pretende fazer