11 de abr de 2013

VEREADOR NALDO DE BRANCA SE EMOCIONA AO FALAR DE SUA VÓ QUE VEIO AO FALACER NO INICIO DESSA SEMANA



Em um discurso de pouco tempo mais de muita demonstração de amor familiar com sua família , o vereador Naldo de branca lembrou da sua vó dona Cecília que faleceu no inicio dessa semana, emocionado o vereador lembrou de uma frase que ela sempre dizia para seu avô” as saudades são grandes mais não podemos ir contra a vontade de Deus”

Corrida contra o tempo:partidos tem até o dia 15 para enviarem lista atualizada de filiados



Os partidos políticos que ainda não enviaram a lista atualizada dos seus filiados tem que correr contra o tempo: termina na próxima segunda(15) o prazo para encaminhar à Justiça Eleitoral, via internet, informações atualizadas. As informações enviadas serão divulgadas pela Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral (CGE), após o processamento dos dados.
Os 30 partidos com registro deferido no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já enviaram as informações sobre a relação de filiados, conforme consulta realizada no sistema Filiaweb, aplicativo utilizado para disponibilizar os dados.
O prazo final para o envio das listas de filiados foi estabelecido pelo Provimento n° 10/2013 da CGE. A relação atualizada deve conter a data de filiação e o número dos títulos e das seções eleitorais em que os filiados às legendas estiverem inscritos.
O artigo 19 da Lei dos Partidos Políticos (Lei n° 9.096/1995) estipula que as legendas devem encaminhar as listas de seus filiados em abril e outubro de cada ano. Os dados devem ser disponibilizados por meio do sistema Filiaweb, que permite a interação on-line com o Sistema de Filiação Partidária.


FONTE:ROBSON PIRES

Revisão biométrica atende 500 eleitores no primeiro dia



Nesta terça-feira, 9, teve início, nos municípios de Pau dos Ferros, Governador Dix-Sept Rosado, Almino Afonso e São Tomé, a revisão eleitoral com cadastramento dos dados biométricos.

O vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, desembargador Amilcar Maia, a diretora-geral, Andrea Campos, e o secretário de tecnologia da informação em substituição, Juan Pablo Mousinho, acompanharam os trabalhos das zonas eleitorais localizadas na região oeste do estado.

Cerca de 500 eleitores foram atendidos neste primeiro dia, mas a expectativa é de que esse número aumente de forma considerável até o final de semana, vez que a primeira etapa da revisão durará aproximadamente um mês.

Maria Edelita da Conceição Souza, primeira eleitora atendida em Pau dos Ferros, disse que nunca deixou de votar e que preferiu ser atendida no primeiro dia para evitar transtornos no final.

Também compartilhou esse pensamento o eleitor de Almino Afonso, Raimundo Amaro Ribeiro, que afirmou nunca ter falhado em nenhuma eleição e tendo salientado: "Acho bom votar, para escolher quem tem capacidade para tomar conta daqui".

Saliente-se que a partir da próxima quarta-feira, 10, começa a revisão em Barcelona, Ruy Barbosa e Lagoa de Velhos. A partir do próximo dia 15, é a vez dos municípios de Encanto, São Francisco do Oeste, Francisco Dantas, Rafael Fernandes, Riacho de Santana, Água Nova, Frutuoso Gomes, Lucrécia e Rafael Godeiro receberem seus respectivos eleitores para a revisão.


FONTE:http://www.tre-rn.jus.br/noticias-tre-rn/2013/Abril/cadastramento-biometrico-atende-a-500-eleitores-na-largada-do-projeto

RN Vida reúne mais de 25 prefeitos para implantação do projeto ‘Crack, é possível vencer’

Por Assecom/ RN
Na manhã desta quinta-feira (11), o Governo do Estado, por meio do Programa RN Vida, reuniu no auditório do Gabinete Civil mais de 25 prefeitos potiguares com menos de 200 mil habitantes, para acompanharem uma série de palestras técnicas para a implantação do projeto ‘Crack, é possível vencer’.

Técnicos da Saúde, Educação, Segurança Pública e Ação Social discursaram sobre o preocupante crescimento da dependência química nas cidades do interior do Estado. Durante o evento foram apresentadas estatísticas e os exemplos de aplicação nas cidades com maior número de habitantes, como Natal e Mossoró.

Acompanhados por secretários e técnicos, os prefeitos assistiram as explicações e com o apoio da coordenadora do Programa RN Vida, Sonali Rosado, irão, a partir de agora, encontrar os caminhos para o desenvolvimento de ações e políticas públicas para o enfrentamento do crack, álcool e outras drogas em todo o Rio Grande do Norte.

Sonali Rosado comentou a importância do evento desta manhã ressaltando a união entre os municípios e Estado para o sucesso do RNVida. “Considero esse momento como histórico para o Rio Grande do Norte. Com a orientação da governadora Rosalba Ciarlini, realizamos essa reunião técnica com secretários de saúde, assistência social e educação dos municípios e o estado disponibilizou técnicos das Secretarias de Estado da Saúde, Assistência Social, Educação e Seguranças Pública. Isso tudo para que o RNVida continue entrando nos municípios do RN principalmente porque ele prega, acima de tudo, o amor como base para combater esse mal tão sério que é a droga”.

Crack, é possível vencer

O programa do Governo Federal tem a finalidade de prevenir o uso e promover a atenção integral ao usuário de crack, bem como enfrentar o tráfico de drogas. Tem por objetivo aumentar a oferta de serviços de tratamento e atenção aos usuários e seus familiares, reduzir a oferta de drogas ilícitas por meio do enfrentamento ao tráfico e promover ações de educação, informação e capacitação. O programa reúne diversas ações que envolvem diretamente as políticas de saúde, assistência social e segurança pública e, de forma complementar, ações de educação e de garantia de direitos. As ações são organizadas em 3 trechos temáticos: Prevenção, Cuidado e Autoridade.

O Governo Federal disponibiliza recursos financeiros a estados e municípios, que aderem ao programa assumindo contrapartidas e implementando os equipamentos de saúde, assistência social e segurança pública.

Presidente da Câmara recebe prefeitos potiguares em Brasília



Brasília (DF) – O deputado federal Henrique Eduardo Alves se reuniu com vários prefeitos do Rio Grande do Norte, em Brasília, ao longo desta semana. A maioria deles pediu ao presidente da Câmara dos Deputados para que as soluções emergenciais contra a seca na região sejam, de fato, executados e novas medidas sejam tomadas. Os prefeitos também solicitaram ao deputado apoio para apresentação de projetos e a liberação de recursos junto aos ministérios destinados a realização de pequenas obras, muitas delas decorrentes de emendas parlamentares.

O prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato, buscou junto ao presidente apoio para a expansão do abastecimento urbano em dois bairros. Ele apresentou sugestão de uma adutora expressa da barragem de Santa Cruz, em Apodi, até Pau dos Ferros. O reservatório local, do DNOCS, segundo o prefeito, dispõe de apenas 14% da capacidade e, além de abastecer a maior cidade da região, ainda atenderá 13 municípios das 26 cidades que serão interligadas com a adutora do alto oeste em fase de conclusão. O projeto da adutora expressa está sendo elaborado pela Secretaria de Recursos Hídricos e deverá custar R$ 40 milhões.

A seca e o saneamento urbano também foram os assuntos apresentados ao deputado Henrique Alves pelos prefeitos Expedito Salviano, de Venha Ver, também no alto oeste, e Jáckson Bezerra, de Afonso Bezerra, no sertão central. Segundo Expedito, uma adutora de 40 km entre Icó, no Ceará, e o município potiguar resolveria o problema de abastecimento local e, a partir de Venha Ver, por gravidade, a água chegaria nas cidades de São Miguel, Cel. João pessoa, Dr. Severiano e Encanto, todas elas abastecidas por carro-pipa.

Já o prefeito Jáckson, acompanhado do presidente da Associação dos Pequenos Pecuaristas do Sertão de Angicos (APASA), Marcone Angicano, relatou o drama vivido pelos 500 pequenos produtores de leite da região que estão perdendo os rebanhos por falta de água e ração. A situação é igual a do município de Pedro Avelino, na mesma região. O prefeito Sérgio Cadó  pediu apoio ao deputado Henrique Alves para os projetos do município inscritos no Sistema de Convênios do governo federal (SICONV). O presidente também recebeu o prefeito Luis Antônio, de Pedra Preta, com demanda semelhante.

Na região metropolitana de Natal, o trânsito e o turismo foram as preocupações apresentadas ao presidente Henrique Alves pelos prefeitos Fernando Cunha, de Macaíba e Klaus Rego, de Extremoz. O prefeito de Extremoz pediu apoio para que Secretaria do Patrimônio da União libere uma área a ser urbanizada na praia de Pitangui. Para Macaíba o prefeito apresentou o projeto de uma ponte sobre o rio Jundiaí, na RN-060, encurtando o caminho entre a cidade e a BR-226. O custo da ponte está orçado em R$ 12 milhões.

Assessoria de Imprensa
twitter: @ HenriqueEalves
Fotos: J Batista e Rodolfo  Stuckert
8521 (Jackson Bezerra e Expedito Salviano) 
8497 (Fabrício Rego e klaus Rego)
7404 (Fernando Cunha)
OBS:  Fotos dos demais prefeitos no site do deputadp

Henrique Alves: Ibama e governo do RN buscarão solução técnica para crise das salinas



O presidente do IBAMA, Walney Zanardi, receberá segunda-feira, dia 15, uma representação do Governo do RN, para iniciar a definição de uma agenda de providências destinadas a adequar a indústria salineira daquele Estado à legislação ambiental. Foi o que ficou acertado em audiência que a ministra do Meio Ambiente, Isabella Teixeira, concedeu na tarde desta quarta-feira a uma representação de empresários, acompanhados pela governadora Rosalba Ciarlini, o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, e os deputados Felipe Maia, Betinho Rosado, Paulo Wagner, Sandra Rosado e Fátima Bezerra.

Representando as empresas, participaram os presidente do Sindicato da Indústria de Moagem, Renato Fernandes,  e o Sindicato da Indústria da Extração do Sal, Francisco Souto Filho, acompanhado pelo vice, Airton Torres.
O encontro foi motivado pelo clima de apreensão que domina a indústria salineira potiguar depois que uma fiscalização do IBAMA notificou várias empresas pelo descumprimento de normas ambientais.
- Respondemos por 97% da produção nacional e enfrentamos  queda  na produção desde 2008, em função de adversidades climáticas e, agora, para completar as dificuldades fomos surpreendidos por 112 autos de infração, 19 embargos e 37 notificações que resultaram em multas totalizando  80 milhões de reais – disse Airton Torres, porta-voz dos salineiros.
Airton acrescentou que, até então, as salinas potiguares sempre atuaram num ambiente de muita proximidade com o Ministério Público Estadual e com o órgão ambiental do Estado – o IDEMA, mas que, ante a ação do IBAMA, “ficamos na constatação de que não somos o que achávamos que éramos”.
A ministra destacou que ação do IBAMA no Rio Grande do Norte decorreu de exigências da legislação, de denúncias e de cobranças, inclusive do Ministério Público Federal. Mas, ressaltou que não é propósito do governo, muito menos do ministério, criar dificuldades ou “emperrar” qualquer atividade economia.
- Mas, temos que buscar uma solução eminentemente técnica – enfatizou.
O primeiro passo para a construção dessa solução técnica será a reunião de segunda-feira, em que o presidente do IBAMA e os representantes da governadora Rosalba Ciarlini definirão as providências relativas à adequação institucional do Estado, através do IDEMA, e de suas empresas às regras da legislação ambiental.
Numa outra etapa, a ministra sugeriu que fossem, chamados a acompanhar o processo os Ministérios Públicos (Federal e Estadual), podendo dai resultar a assinatura de um TAC que estabeleça metas e prazos para a solução dos problemas eventualmente detectados.
Todos os participantes do encontro saudaram o resultado alcançado. A governadora Rosalba Ciarlini garantiu que o IDEMA não se negará a fazer a sua parte; o deputado Henrique Eduardo, que articulou a reunião,  destacou que o clima de diálogo em compreensão estabelecido pela sensibilidade da ministra Isabella Teixeira constitui um alento para as apreensões do setor salineiro do RN.
O mesmo entendimento foi manifestado pela deputada Sandra Rosado. Já o deputado Felipe Maia, falando também em nome do senador José Agripino, disse que não lhe surpreendeu a atitude receptiva da ministra, que já tivera participação elogiável na busca de solução para problemas que afligiam o setor turístico do Estado.
 Assessoria de Imprensa
www.henriqueeduardoalves.com.br
twitter: @HenriqueEAlves
Foto: J Batista

DESPERDÍCIO TOTAL DE AGUA NA ADUTORA DO ALTO OESTE




Em nossa região oeste nem parece que estamos vivendo a maior seca dos últimos (40) quarenta anos. Essa adutora do alto oeste que a governadora Rosalba Ciarline prometeu em palanque verbas imediatas para que essa obra de fato pudesse funcionar e com isso beneficiar as varias cidades da nossa região, cidades essas que já vem sofrendo um período de estiagem bem prolongado., Mas pelo que podemos ver nada foi feito.
Pois bem vendo essas fotos nem parece que estamos enfrentando uma seca, por são milhares de litros de agua desperdiçados em menos de uma hora.
Então fica aqui a cobrança, não sei se é de competência da Caern ou da imprensa responsável , isso pra mim não importa, o que realmente importa é que sejam tomadas as devidas providencias o mais rápido possível, por que isso é um absurdo total.
Esse vazamento está acontecendo no triangulo da cidade de Lucrécia,  essas fotos foram tiradas a poucos minutos por uma pessoa que passava pelo local e  ficou indignado que este desperdício de agua.  






Sem vaga em UTI, recém-nascidos se recuperam em centro cirúrgico no RN



"Se nascer um bebê que necessite de cuidados especiais vamos deixar morrer, porque não há no Rio Grande do Norte um hospital com leito de UTI neonatal disponível? Isso é um descaso do Governo do Estado com a saúde do potiguar. Tivemos que improvisar, criando leitos de UTI dentro do centro cirúrgico", desabafou Maria Da Guia Medeiros, diretora-médica da Maternidade Escola Januário Cicco, unidade vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).
O G1 tentou falar sobre a falta de vagas com o secretário de Saúde do RN, Luiz Roberto Fonseca, mas a assessoria informou que ele estava em reunião.

A diretora se referiu ao quadro que se instalou na maternidade, situada em Natal, nesta quarta-feira (10). Sem UTI, médicos improvisaram leitos de terapia intensiva no centro cirúrgico,  local usado para a realização de cesárias. Atualmente, oito recém-nascidos estão internados na sala. Por isso, as cesárias foram transferidas para as salas onde são feitas as cirurgias eletivas, as quais precisaram ser canceladas.
"As pessoas passam muito tempo a espera das cirurgias eletivas e nós tivemos que cancelar 20. É uma bola de neve. Precisamos usar o local para fazer as cesárias, já que o centro cirúrgico da maternidade virou UTI", explicou a diretora e médica da unidade.

A maior preocupação da direção é com a necessidade de novos leitos para recém-nascidos que precisem de cuidados especiais para continuarem vivos. "O problema é que se mais algum bebê precisar de UTI eu não tenho conde colocá-lo. Já ligamos para todas as unidades, e nenhuma tem vaga em UTI neonatal. Vamos deixar os bebês morrerem? Não podemos. É preciso que o Governo do Estado olhe para a saúde. As unidades em todo o estado estão precárias, por isso todos correm para a Januário, que fica sobrecarregada", finalizou Maria Daguia.


FONTE:http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2013/04/sem-vaga-em-uti-recem-nascidos-se-recuperam-em-centro-cirurgico-no-rn.html