19 de fev de 2013

INTERNET WI-FI FUNCIONA COMO UMA TARTARUGA NAS *PRAÇAS* DE UMARIZAL




Que me desculpe o vereador presidente da câmara Washington Sales (PSB) , tudo bem que só o interesse vale muito , mas na pratica a internet  gratuita nas praças da nossa cidade está deixando a desejar.
Estive na noite de sábado (16) na praça helena lúcia e tentei acessar a internet mas não consegui de maneira nenhuma .
Vale lembrar que a praça são José no bairro rua nova também deveria ser comtemplada com um roteador desses , mesmo sem funcionar, ou o nobre vereador esqueceu que ali também existe pessoas  , e pessoas essas que deram a maioria dos seus votos.

FOTO ILUSTRADA


Governo eleva renda do Bolsa Família para superar R$ 70 per capita




O governo federal anunciou nesta terça-feira (19) uma ampliação do programa Bolsa Família. A partir de agora, os beneficiários passam a ter a garantia de renda de ao menos R$ 70 per capita (por pessoa), ou seja, R$ 350 em uma família de cinco pessoas, por exemplo.
Com a iniciativa, todos os 22 milhões de beneficiários cadastrados no Bolsa Família ficarão acima da linha de extrema pobreza – que é definida por quem vive com menos de R$ 70 por mês, conforme Tereza Campello, ministra do Desenvolvimento Social.
A estimativa, no entanto, é de que ainda existam cerca de 2,52 milhões de brasileiros não identificados e cadastrados nos programas sociais vivendo em situação de miséria. Segundo Tereza Campello, para erradicar a pobreza absoluta no país o governo precisa localizar e incluir essas pessoas no Cadastro Único para Programas Sociais (Cadúnico).
Ao anunciar as medidas, a ministra disse que a iniciativa elevará imediatamente a renda de cerca de 2,5 milhões de beneficiários do Bolsa Família, que terão garantidos pelo menos R$ 70, seja unicamente pelo Bolsa Família ou como complemento ao salário que recebem.
De acordo com informações do ministério, a complementação de renda aos 2,5 milhões de brasileiros custará R$ 773 milhões em 2013. O pagamento começará a ser feito em março deste ano.
Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, os valores pagos pelo Programa Bolsa Família variavam de R$ 36 (trinta e seis reais) a R$ 306 (trezentos e seis reais), de acordo com a renda mensal por pessoa da família e o número de filhos menores. Agora, esse limite deixa de existir para que todas as famílias tenham a garantia de R$ 70 por pessoa, independente do número de filhos.
'Falta pouco'
Em discurso, a presidente Dilma Rousseff disse que "falta pouco" para o Brasil erradicar a miséria. "Não estamos dizendo que não existem mais brasileiros extremamente pobres ou destituídos da condição de vida digna. Infelizmente ainda existe. Nós sabemos disso. É necessário inclui-los para que recebam o beneficio que têm direito. [...] Falta pouco para que não haja mais brasileiros mergulhados na miséria"

A presidente afirmou que a ampliação do Brasil Sem Miséria tem "força simbólica" e é um dos mais importantes atos de seu governo. "Nesta sala eu já assinei vários atos. Já tive a honra e a alegria de participar de vários e importantes lançamentos, atividades para o país e para diferentes setores sociais. Mas tenho certeza que nenhum deles tem a força simbólica e o efeito imediato deste ato que hoje assino", afirmou.
"Com ele, o Brasil vira uma página decisiva na nossa longa história de exclusão social", disse a presidente, complementando que os 2,5 milhões que receberão complemento de renda são "os últimos brasileiros extremamente pobres inscritos no cadastro do Bolsa Família a transpor a extrema miséria".
Dilma citou o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como a primeira gestão federal a "trazer a questão social para o centro do debate nacional". Ela disse que, após erradicar a miséria, o Brasil precisa alcançar outras metas, como emprego de qualidade.
"Estamos virando uma página decisiva na nossa longa história de exclusão social que tem a marca perversa da escravidão. Outras páginas precisam ser viradas. Como acesso a emprego de qualidade, por isso, os cursos de capacitação. [...] O governo federal tem feito sua parte. Cabe aqui agradecer a parceria de todos os estados e dos municípios nessa empreitada histórica".
Busca ativa
Desde sua criação, em junho de 2011, o Brasil Sem Miséria, por meio de um mecanismo chamado "busca ativa", localizou 2,84 milhões de pessoas vivendo em condição de extrema pobreza. Elas foram incluídas no cadastro e passaram a receber o benefício, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social.

A ministra Tereza Campello afirmou que o governo não descuidará da busca de mais famílias que vivam em situação de miséria. "Estamos trabalhando muito para isso. Procurar todos os brasileiros que devem fazer parte do Cadastro Único. Já localizamos mais de 800 mil famílias e, juntos com os prefeitos eleitos, temos ambição de localizar mais 700 mil", disse.
"Não descuidaremos do nosso cadastro. Temos orgulho de ter um dos cadastros mais focalizados do mundo. É só um começo", completou a ministra.
Dilma Rousseff pediu que os municípios continuem buscando pessoas que ainda estão abaixo da linha da pobreza. "Quero propor um grande campeonato pela justiça e pela igualdade em nosso país. Vamos todos juntos desvelar e varrer por completo a pobreza extrema invisível de nosso território. Vamos preencher as lacunas do nosso cadastro único", disse a presidente.
A busca ativa é o mote do Brasil Sem Miséria, principal programa social do governo Dilma e que engloba o Bolsa Família, o Brasil Carinhoso, entre outras ações de combate à pobreza.
Histórico de ampliações
No ano passado, a presidente Dilma Rousseff já havia anunciado a complementação da renda para famílias com crianças de 0 a 6 anos. Agora, a complementação passará a ser feita a todas as famílias.

No começo de fevereiro, a presidente disse que até março deste ano todas as pessoas em condição de pobreza extrema cadastradas pelo governo sairiam da miséria.
Para ler mais notícias do G1 Política, clique em g1.globo.com/politica. Siga também o G1 Política no Twitter e por RSS.

Declarações de Nélter Queiroz: Prenúncio do rompimento.

Garibaldi no Governo e Fátima no Senado?



De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, a presidenta Dilma Rousseff teria recomendado que o ministro da Previdência Social, Garibaldi Filho (PMDB), rompa com o DEM e seja candidato ao Governo do Estado.

Conforme a publicação, Dilma teria cobrado o quanto antes o rompimento entre DEM e PMDB. Outra solicitação de Dilma é de que a deputada federal Fátima Bezerra (PT) seja candidata ao Senado com o apoio do PMDB.

No mesmo dia em que essa notícia foi divulgada, o deputado estadual Nélter Queiroz praticamente antecipou qual será a posição adotada pelo PMDB em março, mês marcado para o partido anunciar se fica ou não ao lado da governadora.

Em entrevista, ele declarou que o PMDB não deve indicar mais ninguém para o secretariado da governadora. Inclusive, até sugeriu que Rosalba começasse a buscar alternativas entre os aliados para preencher os cargos que estão ocupados por interinos. 

"Ela pode ficar à vontade, o PMDB não indicará nenhum cargo. Se o PMDB indicar cargos vai para o fundo do poço", disparou.

Afirmando que a governadora tem 80% de desaprovação, Nélter aconselhou que Rosalba nem dispute à reeleição em 2014.

Atendimento de urgência do Centro de Saúde de Umarizal vem salvando vidas.


Os atendimentos de urgência realizados pelo Centro de Saúde Dom Elizeu Mendes vem garantindo à pacientes melhores chances de recuperação e sobrevivência. É o que afirma a diretora das Unidades Básicas de Saúde de Umarizal, Liane Amorim. De acordo com ela todo paciente que dá entrada na unidade em estado mais grave recebe a mesma assistência que é realizada por um hospital de grande porte.

“A gente faz um serviço básico, mas conseguimos atender muito bem. O paciente chega de um acidente a gente estabiliza, coloca no soro, dá as primeiras medicações e o socorro pra que ele saia estável”, garante Liane que ainda destaca que o trabalho em reconhecido fora de Umarizal.



“Quando o paciente chega, por exemplo, no Tarcísio Maia, o paciente de Umarizal ele já reconhecido pelos médicos. Porque ele vai direitinho, com auxiliar, com toda assistência do município”, conta.

Acidente

Na noite desse domingo, 17, o atendimento de urgência do CSDEM garantiu que dois pacientes, vítimas de acidente de trânsito em Umarizal fossem estabilizados e transferidos com vida para o Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró – HRTM.

“Um dos pacientes, que teve uma fratura na perna foi imobilizado, também foi atendido pelo médico. O outro paciente que havia suspeita de traumatismo craniano foi no colar cervical, enfim, foi tudo feito do jeito que é pra ser feito”, disse Liane que também participou do atendimento e garante que a agilidade em prestar esse primeiro socorro ás vítimas é essencial para sua recuperação.

Ambulância.

Apesar das ambulâncias do município não estarem em condições de realizar a transferência de pacientes, as vítimas foram levadas com segurança e com toda assistência da unidade de saúde em um carro para o atendimento o HRTM em Mossoró. Liane explica que não há problema em realizar a transferência em outro tipo de veículo.

“Não há nenhum problema pro paciente se ele foi transferido nesse carro. Até porque vai num carro confortável, com ar condicionado”, destaca Liane.

As ambulâncias do município já não apresentam mais condições de transportar pacientes devido ao desgaste provocado pelo tempo de uso. “As ambulâncias estão bem sucateadas, mas eu quero enfatizar que estão sucateadas é de andar demais, não é de estarem guardadas. Os transportes daqui andam muito e a nossa ambulância realmente não está legal pra fazer transporte de paciente a noite”.

Sobre os pacientes, Liane ainda informa que já estão bem e se recuperando. “Estão todos bem, foram bem atendidos, transferidos e um agora somente aguarda cirurgia se recuperando em casa”. Concluiu.

VIA UMARIZAL NEWS / Da Equipe de Assessoria de Comunicação e Imprensa da Prefeitura de Umarizal
 

*Seria bom se tudo fosse verdade , mas a realidade é que saúde do nosso município deixa a desejar em todos os setores , se não fosse o medico Dr.vital a saúde de Umarizal estava morta.*

Após entendimento de advogado, nova prefeita de Tabuleiro Grande consegue entrar na Prefeitura



Pronto.
Finalmente a nova prefeita do município de Tabuleiro Grande conseguiu entrar na Prefeitura.

Com aparato da polícia local e reforço de homens da PM de Pau dos Ferros, e entendimento de um advogado ligado à ex-prefeita, que ao tomar conhecimento do ofício do TRE, explicou aos secretários municipais que a decisão teria que ser cumprida.
Ao tomar pé da gestão, a nova prefeita Iracema Galvão (PMDB), que substitui a prefeita cassada Klébia Bessa (PSB), deverá exonerar o secretariado e nomear a sua equipe.







A presidente da câmara municipal Iracema Galvão - PMDB, foi empossada como prefeita de Taboleiro Grande na última sexta-feira em sessão realizada na câmara desta cidade.
Nesse momento, existe uma pequena movimentação em frente da prefeitura de partidários que aguardam a chegada de Iracema Galvão.
Alguns partidários de ânimos mais exaltados chegaram a se estranhar e quase houve vias de fato.
A polícia civil já se encontra sob alerta.
Estive há pouco no centro administrativo e percebi que internamente os funcionários trabalham ou tentam trabalhar normalmente.
A posse de Iracema se deu pela cassação da prefeita Klébia Bessa, que deverá entrar nas próximas horas com uma Ação Cautelar para continuar no cargo até que o processo seja julgado no TSE em Brasília.
Até o momento Iracema Galvão ainda não se pronunciou a respeito de como irá controlar essa situação, se cede as pressões do grupo do PMDB que quer a todo custo que ela mexa na equipe atual ou se aguardará algum tempo para saber se realmente continuará no poder e com tempo hábil para realizar alguma mudança de equipe.
Da forma que está, com o serviço público todo emperrado, nesse momento, a população de Taboleiro Grande como um todo é quem sai perdendo.

Ministro Garibaldi continua fazendo mistério em relação à disputa pelo governo do RN

 *DEU NO THAISA GALVAO*

E em contato com o ministro Garibaldi Filho, perguntei o que ele tinha achado da nota publicada na coluna Painel, da Folha de S. Paulo, dando como certa a candidatura dele a governador do Rio Grande do Norte em 2014.

“Não me ouviram”, disse Garibaldi…nem um pouco preocupado em dizer para o jornal que a candidatura não está nos seus planos.
O ministro, que tem dito que não quer mais o Executivo, continua fazendo mistério sobre a decisão de disputar a sucessão da governadora Rosalba Ciarlini.

Ex-prefeita de Messias Targino assume cargo no Gabinete Civil do Governo




Ex-prefeita de Messias Targino, Shirley Targino foi nomeada para o cargo de Assessor Especial do Governo I, para atuar no Gabinete Civil.
Shirley é do PR do deputado João Maia.
Mas, é ex-cunhada da governadora Rosalba Ciarlini.
Portanto…é do PR, mas não é indicação do PR.
Shirley vai substituir Giovani Araújo de Carvalho, que foi exonerado…mas, nomeado para o cargo de secretário adjunto de Esporte e Lazer.
Giovani substitui Domilson Damázio da Silva, que foi exonerado.


fonte:thaisa galvao