24 de ago de 2016

Câmara precisa de mais mulheres em 2017, diz candidata a vereadora Neide Freitas

Foto: Wagner Oliveira
Foto: Wagner Oliveira
A candidata a vereadora, Neide Freitas (PSD) acredita que o número de mulheres na Câmara Municipal, irá aumentar a partir de 2017. A vereadora, esposa do prefeito em exercício, Marcos Fernandes, disse, em entrevista na tarde desta segunda-feira, 22, no programa Evidência, que é importante que o legislativo conte com uma representatividade feminina para representar a mulher umarizalense.

“[A câmara não pode ficar sem mulher]. Acredito que ela não vá ficar. Até por que tem muitas candidatas. É uma representatividade da mulher. A câmara é composta por 9 vereadores e eu acredito que em 2017 ela vá ter mais mulheres”, avalia.
Neide conclui neste ano o seu primeiro mandato como vereadora de Umarizal. Ela sucedeu o prefeito Marcos, detentor de cinco mandatos consecutivos. Questionada sobre como ela avalia seu mandato, Neide respondeu que quem deverá fazer esta análise é a população.
“Essa avaliação eu vou deixar para a população fazer. Eu estou terminando meu primeiro mandato como vereadora do município e lhe digo que fiz o que pude. Sempre estive presente, não meu ausentei do município, estou toda terça-feira na câmara trabalhando para o bem da população e eu deixo que a população me avalie. Fizemos nosso trabalho com transparência, com seriedade, tentando trazer melhoria para o município”, frisou.
Sobre as discussões acerca de uma necessária mudança no legislativo, Neide disse não se preocupar com os comentários e atribui o debate sobre o tema a outros candidatos que anseiam chegar à câmara.
“Eu sei o do meu trabalho, do trabalho dos meus colegas, a população sabe pois acompanham nosso dia a dia. Moramos em uma cidade pequena onde todos conhecem todos, então não é difícil acompanhar o trabalho de um candidato. A maioria das vezes quando ouvimos esse tipo de comentário não vem nem da população, vem dos outros candidatos e cada um diz o que pensa, mas eu vejo dessa maneira. A população tem acompanhado nosso trabalho no dia a dia”, ponderou.
A parlamentar ainda fez uma avaliação da gestão interina do prefeito Marcos Fernandes. Sincera, Neide disse que a considera “boa”, diante da crise política e econômica que o país bem enfrentando nos últimos anos.
“Como vereadora eu avalio a administração de Marcos como boa, por que diante de tantas dificuldades ele tem dado a vida para administrar esse município. Com muitas dificuldades eu vejo ele bravo lutando por melhorias e diante de toda a crise, Umarizal é uma das poucas cidades que tem seu salário em dia. Eu vejo muita dedicação nele. Eu admiro muito ele como pessoa e nesses 10 meses ele tem mostrado que sabe administrar”, avaliou Neide.
Sobre as mudanças que ocorrerão no legislativo, Neide disse que elas são naturais, já que três vereadores não concorreram à reeleição. “Todos tem dado sua contribuição, tem dados as mãos e que quando é para o bem de Umarizal, somos todos unidos para buscar melhoria para o município. Teremos mudança na câmara sim, mas por ter 3 vereadores que não são mais candidatos, mas eu vejo o trabalho de cada um e deixo que a população julgue”.
Sobre sua campanha até o momento, a vereadora disse que tem sido bem recepcionada pela população e que a descrença com a classe política não tem afetado seu trabalho no município.
“Com tanta coisa que aconteceu no país, os políticos ficaram desacreditados. Só que o próprio político se faz desacreditar por não cumprir seus compromissos e eu nas minhas visitas não tenho recebido aborrecimento. Eu só tenho a agradecer a população por sua receptividade”

Do O Umarizalense – A Notícia em Boas Mãos

Nenhum comentário:

Postar um comentário