28 de out de 2014

GOVERNADORES ELEITOS TERÃO QUE NEGOCIAR APOIOS COM A OPOSIÇÃO

Pouco mais da metade dos futuros governadores terá que buscar novos aliados para conseguir aprovar propostas de interesse do governo nas Assembleias Legislativas. Segundo a Folha, dos 27 eleitos ou reeleitos, 15 integraram coligações de partidos que não conseguiram eleger a maioria dos deputados estaduais.
Para aprovar projetos de lei, por exemplo, basta a maioria simples em plenário. A dificuldade cresce nas propostas de emenda à Constituição estadual, que precisam ser aprovadas por ao menos três quintos da Casa. Nesse caso, sobe para 20 o número de governadores que terá de buscar apoio em partidos que apoiaram outros candidatos nessa eleição. O PMDB é o partido que mais terá que negociar apoio: as coligações de cinco dos sete governadores eleitos não alcançaram a maioria das cadeiras das Assembleias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário