4 de abr de 2017

Delator diz que ex-deputado cobrou propina de empreiteiras no RN

Ex-parlamentar citado é João Maia, do PR; segundo delator, o então deputado pedia 4% do valor dos contratos das empresas firmados no Rio Grande do Norte
images
Reprodução / Blog A Fonte
João Maia, ex-deputado

Segundo delação premiada do ex-chefe de Serviço de Engenharia do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), Gledson Golbery de Araújo Maia, o ex-deputado federal João Maia (PR) cobrava propina de empreiteiras que eram contratadas pelo órgão para realizar obras no Rio Grande do Norte.
De acordo com o delator, o ex-deputado teria usado dinheiro de propina em sua campanha eleitoral de 2010, quando acabou sendo reeleito ao cargo de deputado federal, sendo, inclusive, o segundo mais votado do Estado.
Preso desde novembro de 2010, Gledson Maia foi pego em flagrante com uma maleta de R$ 50 mil num restaurante da Zona Sul de Natal. A Polícia Federal, responsável pela prisão do empresário, disse que a quantia serviria para o pagamento de propina. As informações são do jornalista Fred Carvalho, do portal G1-RN.
Sua delação, homologada pelos juízes das 2ª e 14ª Varas Federais do RN, foi iniciada em outubro de 2016 e concluída em janeiro deste ano. Nela, o ex-funcionário do Departamento se comprometeu a fornecer provas, apontar terceiros e ajudar o Ministério Público Federal à encontra-los em favor da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário