14 de mar de 2012

Acordo cumprido…

Deu no Globo

Na Câmara, o partido avalia que a escolha de Arlindo Chinaglia (PT-SP) consolida a candidatura do líder do PMDB, Henrique Alves (RN), para presidir a Casa na sucessão de Marco Maia (PT-RS). Argumentam que quem assume a tarefa de pedir lealdade e fidelidade ao governo não poderá pregar a traição do acordo PT-PMDB.

A ministra Ideli Salvatti ligou, ontem à noite, para o vice Michel Temer para dizer que o PT cumprirá o acordo de rodízio com o PMDB na presidência da Câmara.

O novo líder do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), também ligou para tranquilizar o líder do PMDB, Henrique Alves (RN).

Aliás, o acordo PT-PMDB nasceu para impedir a reeleição de Aldo Rebelo, atual ministro do Esporte, e eleger Chinaglia.

POSTADO POR CLEUMY CANDIDO FONSECA ÁS 10:19

Nenhum comentário:

Postar um comentário