17 de jan de 2014

Prefeito Mano irá implantar coleta seletiva em Umarizal; “Ação será exemplo nessa região”, diz presidente de associação de reciclagem.



O prefeito Mano Onofre irá implantar em Umarizal a coleta seletiva e irá criar a primeira associação de catadores do município. O primeiro passo para execução desses projetos foi dado na manhã dessa quinta-feira, 16, em seu gabinete, onde recebeu o presidente da Acresea – Associação Caraubense de Reciclagem e Serviço de Educação Ambiental, Rivaldo Fernandes, que irá colaborar na implantação dos serviços em Umarizal. Também participaram da reunião secretários, gestores e técnicos do município. O prefeito pediu a participação de todos, pois o projeto irá envolver diversos seguimentos como saúde e educação.

De acordo com o Mano, o projeto da coleta seletiva irá gerar emprego, renda e ainda contribuirá para limpeza da cidade. “É um projeto que em primeiro lugar estará gerando emprego e renda para a população e segundo estará gerando limpeza. E terceiro é um projeto que também trabalha a questão de prevenção, pois na hora que você faz a coleta você esta evitando que muitas doenças se proliferem dentro do município”, ressaltou o prefeito.
Segundo Rivaldo, que também representa o Movimento Nacional da Cooperativa de Tratadores, o projeto além de beneficiar o município com as questões citadas pelo prefeito irá adequar também a cidade à Lei Federal que determinou aos municípios a implantação da coleta seletiva. “Tem que implantar a coleta seletiva e o destino finais dos seus resíduos”.

 Rivaldo destaca que um dos principais beneficiados com a ação, além da população será o meio ambiente. “É um beneficio para o município, mas também para o meio ambiente. Uma exigência do próprio meio ambiente e se nós queremos preservar para nossas futuras gerações teremos que começar essas ações agora”, destacou na reunião.

Rivaldo explica que a coleta acontecerá porta a porta na casa das pessoas. “Essa é uma ação sociável onde é reconhecida a coleta porta a porta como atividade social e hoje nosso compromisso é desenvolver dentro desse contexto social essa politica de coleta seletiva”
 
A secretária de Assistência Social, Sandra Maia destacou que o município já está trabalhando em uma maneira de envolver a população na coleta. “Estamos fazendo uns adesivos e a casa que aceitar participar da coleta seletiva, irá receber um desses adesivos. Daí os coletores vão passar por semana para fazer o recolhimento”.
 A presidente da Acresea destacou que é extremamente importante o envolvimento dos secretários municipais na elaboração e execução do projeto. “Os secretários são agentes diretos nessas ações, principalmente quando envolve educação ambiental”.
 
 O prefeito Mano ainda destacou na reunião que além dos benefícios já citados, que o projeto é autossustentável e não irá requerer do município tantas despesas. “A princípio terá o investimento, mas com o continuar do projeto o mesmo terá condição de se sustentar por se só, Os catadores irão selecionar e vender seus produtos automaticamente e terão recursos para pagar a si próprio. Então é um projeto que merece o investimento do município por que é um sonho que eu vou realizar, mais um dentro da administração”, disse o prefeito.
 
 
Rivaldo terminou destacando a iniciativa do prefeito de buscar para Umarizal um projeto ambiental.  “Com certeza, a exemplo do prefeito de Governador Dix-Sept Rosado que já implantou a coleta e ele abriu as portas do município para essas ações e agora o prefeito Mano a gente só tem que parabenizar essa ação e essa visão diferenciada e eu acho que ele esta partindo como exemplo nessa região”, concluiu.
Ao término do encontro, Rivaldo entregou ao prefeito o livro com as diretrizes que deverão ser seguidas pelo município a partir de agora para implementação da coleta.
 
SITE DA PMU DE UMARIZAL
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário