17 de out de 2018

Avião atingido por raio faz pouso não programado em Minas Gerais

Um avião da Azul, que saiu de Vitória da Conquista (sudoeste da Bahia, distante 520 quilômetros de Salvador), com destino ao Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, na manhã desta terça-feira, foi atingido por um raio, o que obrigou o piloto a fazer um pouso em Montes Claros (Norte de Minas). Apesar do susto, não houve maiores consequências. Por outro lado, os passageiros tiveram de seguir a viagem por terra de Montes Claros a Capital (420 quilômetros).   O avião (voo AD5733) decolou da cidade baiana às 7h40, com cerca de 70 passageiros a bordo. A previsão era da chegada ao Aeroporto de Confins às 9h25. Em entrevista à TV Sudoeste (de Vitória da Conquista, uma passageira disse que, cerca de 30 a 40 minutos após a decolagem, a aeronave foi atingida por um raio.   Segundo ela, chovia muito na hora e os passageiros perceberam um forte barulho e faíscas pelas janelas do avião. Revelou ainda que o piloto "avisou que tinha sido um raio” e alguns passageiros ficaram muito assustados e “até passaram mal". Alguns passageiros postaram sobre o incidente em suas redes sociais.   Em nota à imprensa, a Azul informa que, “por problemas técnicos”, o piloto do avião que partiu de Vitória da Conquista com destino a Belo Horizonte “alternou” a rota e desceu em Montes Claros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário