2 de set de 2015

"Quero a prova de tudo que foi falado no áudio", diz prefeito Marcos de Umarizal

O prefeito em exercício, Marcos Fernandes (PSD) disse, nessa terça-feira, 01, durante pronunciamento na Câmara dos Vereadores, que quer provas de tudo que foi falado pelo sargento Azevedo em dois áudios gravados por um aplicativo de celular e veiculado através das redes sociais na internet. “Quero prova de tudo que foi dito e falado naquele áudio”.

Em um dos áudios gravados, o policial militar diz que o prefeito tem amizade com um criminoso conhecido do município e chega a insinuar que o mesmo faz uso de drogas.

Conheço todo mundo em Umarizal. Todo mundo bom e todo mundo ruim. Não tenho nada contra ninguém ou o que eles fazem, agora não compartilho e nem compartilhei com nada que eles fazem”, disse Marcos em seu pronunciamento.

O prefeito interino disse acreditar que a atitude do policial militar tenha interesse político. “Já estou vendo que tem outros interesses. Está vendo que estou trabalhando. Está vendo que estou fazendo o que outros não puderam fazer e que estamos tomando as medidas que Umarizal precisava a muito tempo”, declarou o prefeito.

Marcos disse que já registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil e que agora, espera que o caso seja esclarecido. O prefeito disse ainda que vai levar os áudios a promotoria para que a justiça tome as devidas providências.
Não vai ser por essas coisas que vou baixar a cabeça. Estou dando esse esclarecimento porque a população merece respeito”, disse o prefeito.

Do Umarizalense

Nenhum comentário:

Postar um comentário